2 milhões de comprimidos de cloroquina chegam ao Brasil - Revista Oeste

Em 1 jun 2020, 12:00

2 milhões de comprimidos de cloroquina chegam ao Brasil

1 jun 2020, 12:00

O presidente Donald Trump anunciou a doação na semana passada; pacientes relatam que o medicamento tem sido eficaz na luta contra a covid-19

eua doam milhões de comprimidos de cloroquina

Além disso, mil ventiladores pulmonares estão a caminho
Foto: DIVULGAÇÃO/AGÊNCIA BRASIL

O governo brasileiro recebeu ontem a doação de 2 milhões de comprimidos de hidroxicloroquina anunciada na semana passada pelo presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, conforme noticiou Oeste.

“Chegaram as 2 milhões de doses de hidroxicloroquina doadas pelos EUA. Colaboraremos com as pesquisas clínicas da cloroquina e no desenvolvimento de uma vacina”, escreveu no Twitter o chanceler Ernesto Araújo.

Além disso, mil ventiladores pulmonares estão a caminho para auxiliar o sistema de saúde brasileiro, de acordo com a nota da Casa Branca.

Na edição número 3, Oeste ouviu vários pacientes com a covid-19 que usaram o medicamento para se tratar. Em todos os casos, o resultado foi positivo e as pessoas apresentaram melhora.

Sob a gestão do ministro interino da Saúde Eduardo Pazzuelo, o novo protocolo da cloroquina permite o emprego dela em casos leves da doença provocada pelo coronavírus.

Contudo, na semana passada, a Organização Mundial da Saúde (OMS) informou que os testes com o remédio estavam suspensos. A justificativa: os pesquisadores não detectaram a eficácia da droga.

Leia mais: Acompanhe a evolução da covid-19 no Brasil e no mundo

Produção nacional

O presidente Jair Bolsonaro pediu hoje que o Exército retome a produção de hidroxicloroquina. O país tem insumos suficientes para tal.

Portanto, o Laboratório Químico e Farmacêutico do Exército ficará responsável por fabricar 500 mil comprimidos do remédio, informa o jornal O Globo.

TAGS

*O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

8 Comentários

  1. O remédio é tão eficaz que o Trump está dando de graça.

    Responder
    • Mas está tomando.

      Responder
  2. Os EUA são disparados os melhores parceiros que o Brasil pode ter. Trump e Bolsonaro são os dois grandes lideres das Américas.

    Responder
  3. O remédio não tem eficácia comprovada para o COVID-19,por isso que o Trump esta dando de graça.
    Tipo assim,joga lá para aquele governo idiota!
    Ai me vem o Ministro de Estado das Relações Exteriores,e ainda comemora!
    Viramos chacota mundial!

    Responder
    • Esta narrativa esquerdista AQUI não cola, colega!! Temos CENTENAS DE CASOS COMPROVADOS NO BRASIL, comprovados por médicos, cientistas e pacientes.
      NENHUMA MEDICAÇÃO USADA CONTRA A COVID TEM COMPROVAÇÃO CIENTÍFICA, incluído o Remdesivir (custo de tratamento é de 30 mil reais) defendido por alguns “cientistas” brasileiros.
      VAI COM SUA DESINFORMAÇÃO PRA OUTRO LUGAR!!

      Responder
    • Tenho vários casos na família, inclusive de idosos e que se curaram com este medicamento, que precisa chegar na população carente e os genocidas não deixam.

      Responder
      • Triste ver como a saúde está sendo politizada aqui no Brasil…

        Responder
  4. Os esquerdista fazem campanha contra, mas quando pegam são os primeiros a tomar. Bando de hipócritas.

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a nossa news

Coronavírus

Oeste Notícias