DNA humano aumenta em até 50% produtividade de lavouras

Teste foi realizado em áreas com plantações de arroz e batata
-Publicidade-
Lavoura de arroz apresentaram ganhos de rendimentos com inserção de DNA humano | Foto: rrdevargas/Flickr
Lavoura de arroz apresentaram ganhos de rendimentos com inserção de DNA humano | Foto: rrdevargas/Flickr

Uma equipe de cientistas da Universidade de Chicago, nos Estados Unidos, inovou ao inserir parte do DNA humano em plantas com a intenção de aumentar as safras. O resultado: 50% a mais de produtividade em lavouras de arroz e batata, onde os testes foram realizados.

Leia mais: “Brasil deve ter novo recorde de colheita de grãos na safra 2021/2022”

A molécula utilizada chama-se FTO, e está associada ao ganho de gordura e crescimento nos seres humanos. Ela foi inserida nas sementes de cada cultura. Embora esse gene tenha uma má reputação por aumentar o risco de obesidade, estudos mostraram que a proteína é importante para regular o crescimento das pessoas e de outros mamíferos.

-Publicidade-

Leia também: “Polinização contribui para aumento de produção em lavouras”

Os resultados prometem elevar a produção de alimentos sem o aumento de área, mas os especialistas dizem que é necessário mais pesquisas para testar a viabilidade agrícola e garantir que os ganhos sejam replicáveis ao redor do mundo.

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

2 comentários

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro