Produtores poderão trocar soja, milho, trigo e arroz por carros

Modelos das marcas Fiat, Jeep, Ram, Peugeot e Citroën estarão a disposição dos agricultores gaúchos
-Publicidade-
Produtores poderão comprar Jeep com algumas sacas de grãos | Foto: Christine Herburger Murphy/Pexels
Produtores poderão comprar Jeep com algumas sacas de grãos | Foto: Christine Herburger Murphy/Pexels

Os produtores rurais do Rio Grande do Sul poderão trocar suas colheitas de soja, milho, trigo e arroz por automóveis. O modelo de negócio utilizado nesta operação será o barter (termo em inglês que significa permuta) —, que nada mais é do que uma operação financeira que não envolve dinheiro, mas a troca de produtos. No portfólio de marcas que os agricultores poderão escolher estão os veículos da Fiat, Jeep, Ram, Peugeot e Citroën.

Leia mais: “Primeira caminhonete elétrica Tesla terá teto solar”

A novidade é fruto da parceria entre o grupo automobilístico holandês, Stellantis, e a rede de lojas, Agrofel Grãos e Insumos. A iniciativa já está em uso desde o primeiro semestre do ano, mas somente no Centro-Oeste do país. Com a chegada da operação no Estado gaúcho, além da ampliação das marcas — com inclusão da Peugeot e Citroën —, também será permitida a troca pelo grão a ser colhido. “O grande diferencial vai ser transformar um grão que vai ser colhido no futuro em um carro para o produtor agora. Se ele comprou uma fazenda nova e precisa de veículos, nós compramos o grão futuro e pegamos quando for colhido, mas fornecemos o carro já”, explica Roni Ferrarin, diretor comercial e de marketing da Agrofel.

-Publicidade-

Leia também: “Mercedes-Benz vai produzir ônibus elétrico no Brasil”

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro