Rússia suspende exportações de trigo e milho para 4 parceiros

A medida ocorre em meio à invasão à Ucrânia e queda de produção
-Publicidade-
Vladimir Putin, presidente da Rússia
Vladimir Putin, presidente da Rússia | Foto: Asatur Yesayants/Shutterstock

O governo russo suspendeu as exportações de trigo e de milho para os outros países da União Econômica da Eurásia. Além da Rússia, o bloco é formado por Armênia, Belarus, Cazaquistão e Quirguistão. A decisão foi comunicada nesta quinta-feira, 10.

A medida ocorre em meio à invasão do país à Ucrânia. De acordo com o Ministério da Economia, o governo russo suspendeu as exportações para garantir o abastecimento doméstico.

Conforme a previsão do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA, na sigla em inglês), o consumo russo de trigo deve ser pouco maior que 40 milhões de toneladas em 2022. A quantia corresponde a mais da metade da produção estimada para esse ano. No caso do milho, a demanda interna deve passar de 70% das 14 milhões de toneladas projetadas para a colheita atual.

-Publicidade-

As estimativas mais recentes do USDA indicam queda de 10% na safra de trigo russa deste ano. Para o milho, a previsão é de alta de 10%.

Em 2021, a Rússia respondeu por cerca de 20% das exportações de trigo, e 2% das de milho. No ano passado, o país enviou, respectivamente, 40 milhões de toneladas e 4 milhões de toneladas desses grãos para o exterior.

Leia também: “Devagar, malfeito e complicado”, artigo publicado na Edição 102 da Revista Oeste

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

1 comentário Ver comentários

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.