Ala do PSL nega reaproximação com Bolsonaro - Revista Oeste

Em 12 jul 2020, 15:51

Ala do PSL nega reaproximação com Bolsonaro

12 jul 2020, 15:51

Antes aliados do presidente, deputados do PSL como Junior Bozzella e Joice Hasselmann foram às redes para dizer que o partido não está à venda e Major Olimpio ameaçou deixar a sigla

PSL Bolsonaro

Joice deixou de ser aliada do chefe do Executivo quando foi retirada do posto de líder do governo no Congresso | Foto: Marcos Corrêa/PR

Antes aliados, alguns integrantes do PSL negam qualquer tipo de reaproximação com o presidente Jair Bolsonaro. Neste domingo, 12, parlamentares que surfaram na onda Bolsonarista para se elegerem afirmaram que “não estão à venda”.

De acordo com uma reportagem do jornal O Globo, Bolsonaro teria dado um telefonema ao presidente do PSL,  Luciano Bivar, há duas semanas. Este teria sido o primeiro aceno de Bolsonaro desde que deixou a sigla em 2019. A intenção do presidente seria apaziguar as relações entre o Executivo e o Legislativo.

Entretanto, integrantes do PSL foram às redes sociais neste domingo, 12, para rechaçar qualquer tipo de reaproximação. “O PSL escolheu defender o Brasil e não garantir a si mesmo”, afirmou o deputado federal Júnior Bozzella, vice-presidente nacional do PSL, em entrevista ao UOL. “O governo se vendeu. Trocou tudo aquilo que sempre disse defender e acreditar para garantir a sua sobrevivência”.

Leia mais: “Bolsonaro começa tratativas para se filiar ao PTB”

Joice Hasselmann (PSL-SP) foi ao Twitter para dizer que a sigla não irá compor o “toma-lá-dá-cá” do governo. A parlamentar deixou de ser aliada do chefe do Executivo quando foi retirada do posto de líder do governo no Congresso Nacional.

“O partido foi atacado por Bolsonaro e sua tropa maligna porque não se deixou ser literalmente tomado de assalto por um homem que pensa que pode tudo”, completou.

De saída

Outro parlamentar que não viu com bons olhos a possível reaproximação foi o senador Major Olimpio (PSL-SP). Numa mensagem no grupo de parlamentares do partido, no WhatsApp, ele ameaçou deixar o PSL.

“Ao ler matéria jornalística dando conta [de] que Bolsonaro busca reaproximação com o PSL para ampliar sua base, e que ligou para (o presidente do partido) Luciano Bivar e que o vice-presidente do partido, [Antonio] Rueda, e [o senador] Flávio Bolsonaro (Republicanos) costuram a aproximação, me deu vontade de vomitar!”, postou Olimpio em sua conta no Twitter.

Na sequência, completou: “Eu disse no grupo de parlamentares do PSL que, se isto acontecer, sentirei muita saudade do partido. TCHAU QUERIDOS!”.

 

TAGS

*O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

7 Comentários

  1. Tão aí três falsários políticos que terão sorte de se eleger vereadores no futuro.
    Traíras e burros.

    Responder
    • Que idiotice, boaaaaaaa major Olímpio, tamojuntos sempre, mete s nova nesses Vagabundu’s bolsotários…

      Responder
  2. NÃO CREIO NISTO!! O PSL JÁ MORREU e o que restou deste partido foram os fiéis escudeiros de Bolsonaro. A Joice é a representação clara do CHIQUEIRO QUE VIROU O “PSL RAIZ”!

    Responder
    • Eu DUVIDO que o Presidente tenha dado esse telefonema, se ele vier a público confirmar eu acredito.
      NÓS #Bolsonaristas NÃO estamos nem aí pra Joice, Bozella ou Olimpio, eles que aproveitem seus mandatos, pois a depender de nós, NUNCA mais serão eleitos. O que resta pra essa turma de traira é serem aceitos pela esquerda e até por lá eles são rejeitados, então, é fim de carreira pra eles. Quanto ao PSL, esse tbm NÃO têm expectativas, retornará ao limbo da insignificância.
      #FechadoComBolsonaro

      Responder
  3. Bolsonaro não precisa da Peppa, Bozella, Olímpio, três JACÚS surfistas!

    Responder
  4. Votei no Olímpio e na pepa, única e exclusivamente por causa do Bolsonaro!!! Eles não seriam eleitos para nada sem o presidente. Agora cospem no prato que comeram. Uma coisa é certa, nunca mais estes dois levarão um voto meu.

    Responder
  5. Lembrem-se todos que o pessoal rompido com o JB é aquele que NÃO abriu mão do financiamento público de campanha. Exatamente pessoas que estão pouco se lixando para a moralização da política e redução do custo do estado; gente do naipe de Frota, Peppa, del. Waldir e outras nulidades que apenas tinham sede de poder e garantir um mamilo para si. Espero que a escumalha do PSL jamais se eleja para nada, traição não se perdoa. Precisamos tornar o ALIANÇA PELO BRASIL uma realidade. Trabalhe por essa causa.

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a nossa news

Coronavírus

Oeste Notícias