Alexandre de Moraes prorroga inquérito das fake news - Revista Oeste

Em 1 jul 2020, 20:09

Alexandre de Moraes prorroga inquérito das fake news

1 jul 2020, 20:09

Investigação, que mira principalmente bolsonaristas, terminaria em 15 de julho, mas ministro optou por estender prazo por mais 180 dias

alexandre moraes, prorroga, stf, inquérito, fake news, prorrogação

Moraes prorrogou inquérito que persegue bolsonaristas por mais 180 dias | Foto: Rosinei Coutinho/SCO/STF

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes prorrogou o inquérito das fake news por mais 180.

A investigação, que mira principalmente apoiadores do presidente Jair Bolsonaro, terminaria no dia 15 de julho.

Moraes informou ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), nesta semana, que aguarda a conclusão de perícias para decidir se compartilha as provas do inquérito com as ações eleitorais que pedem a cassação do mandato de Bolsonaro.

 

TAGS

*O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

5 Comentários

  1. Só se desfiliou do PSDB formalmente, nunca se desfiliou de fato.

    Responder
  2. 180 dias pra fazer TERRORISMO contra os CONSERVADORES.
    Quem diria… Moro fingiu por 15 meses que gostava dos evangélicos e dos conservadores. Não passa de um PROGRESSISTA.

    Responder
    • Não conseguem provas e pedem.mais tempo para tentar encontrar alguma coisa. O objetivo é atingir o governo conservador. Agora conjuga com a ação do tse. Não é coincidência. Barroso reabre as investigações de um.procwsso que foi derrotado. Alexandre de Moraes prorroga o processo dele para ver se acha alguma coisa que ajude o tse cassar Bolsonaro. Perceberam que a questão de tirar Bolsonaro? Tudo em harmonia. Não há qualquer consistência em nenhum dos dois processos e ele s sabem disso . Querer fazer crer que um hacker que teria mudado uma.palavra num site durante 24 horas teria sido a razão da Vitória de Bolsonaro é uma agressão a nossa inteligência. Todo.mundo viu que p povo queria mudar e não queria mais a roubalheira da esquerda e seus aliados do esquema. Mesmo Bolsonaro sem fazer campanha o povo fez por ele é o elegeu. Nada a ver com.um site sem qualquer expressão importância .e quem moveu a ação? Marina 2% boulos menos 1%. Sinceramente. Tanta coisa seria para o tse se preocupar…

      Responder
  3. A popularidade de BOLSONARO tem o comportamento do vírus. O próximo já incubado no seio do comunismo, na China, cuja “cepa” provavelmente tem encomenda adiantada dos derrotados tupiniquins, em homenagem ao alastramento fulminante que dessa X certamente pretendem fazer vingar, se chamará “bozo-20”. Outro tiro pela culatra. O Capitão a cada casuismo, a cada decisão monocrática, a cada deselegância da globolixo com 60 milhões, hj + de 90 milhões de brasileiros sedentos de honradez e honestidade por parte de seus func públicos, vem conquistando + e + simpatizantes. Vírus passam a ser “disseminadores” da BOA NOVA: alguém q abraçou as nossas PAUTAS e segue firme c o compromisso, de destruir a estrutura criminosa montada para usurpar a felicidade de milhões de brasileiros, através de práticas nefastas e infestadas de ideologias, q para serem mantidas, é preciso o aparelhamento e roubalheira desenfreada.

    Responder
  4. Alguns conhecidos, que não votaram no Bolsonaro, tem se mostrado incomodados com essas ações ditatoriais dos ministros do Supremo, de lideranças do Congresso, de Governadores e Prefeitos. Subliminarmente o discurso do Bolsonaro está atingindo os que não votaram nele. O tiro dessa gente pode estar saindo pela culatra.

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a nossa news

Coronavírus

Oeste Notícias