Antes do debate, interesse por Trump nos EUA segue maior

Edição da semana

Em Em 22 out 2020, 20:40

Antes do debate, interesse por Trump nos EUA segue maior

22 out 2020, 20:40

Será o último cara a cara entre o republicano e o democrata

debate - biden x trump

Candidatos se enfrentam nesta quinta-feira, 22 | Foto: Divulgação/CNN Brasil

A poucas horas do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e seu rival na corrida pela Casa Branca, Joe Biden, ficarem cara a cara pela última vez antes da eleição, o interesse pelo republicano segue maior que o de seu adversário, no Google, ao considerar apenas os EUA. Numa escala de 0 a 100 que o buscador utiliza para mensurar a curiosidade do internauta, o presidente tem vantagem. Às 20h00 (horário de Brasília, portanto, duas horas antes do debate) de hoje, o interesse pelo presidente era de 41 em relação a 20, de Biden. Em uma semana, o chefe do Executivo se manteve no topo das pesquisas da plataforma. Na quinta-feira 15, por exemplo, Trump tinha 100, contra 61 de Biden. De lá para cá, houve oscilações, mas com a linha do presidente permanecendo acima da de Biden.

Leia também: “Ana Paula Henkel comenta debate nos EUA”

Pesquisas relacionadas ao presidente mostram que as pessoas querem saber do vídeo de 60 minutos divulgado por Trump. Na transmissão, ele rebate acusações de uma jornalista e interpela por que a grande imprensa não cobra de Joe Biden as denúncias envolvendo o filho dele, Hunter Biden. Os três principais Estados com maior interesse no republicano são Arizona, Nevada e Maine. No primeiro deles, considerado decisivo no desempate de votos, Trump tem 71 pontos de interesse, contra 30 do inimigo. Já as pesquisas relacionadas a Biden giram em torno do ator Sam Elliot, que fez a narração da campanha do democrata. Os três principais Estados que mais pesquisaram pelo oponente de Trump foram Delaware, Arkansas e Mississippi (nenhum deles pêndulo).

TAGS

*O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

1 Comentário

  1. A Grande Mídia é o maior problema do mundo atual. Enquanto estiver financiada por corruptos e corruptores, precisamos manter as inúmeras redes privadas livres, dentro de princípios éticos e morais aceitáveis. Porque só assim filtraremos a verdade, aonde que ela se esconda.

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a nossa newsletter

Colunistas

O império dos sem-voto

Há cada vez mais pessoas que nunca receberam um único voto na vida, e não têm mandato nenhum, dizendo o que o cidadão deve ou não deve fazer

O mal de roupa nova

O Partido Democrata não esconde as intenções: quer mais coletivismo, menos autonomia dos Estados, maior controle exercido pelo Executivo central e intervenção na economia

A nova Torre de Babel

Ao contrário do mito bíblico, a torre atual está sendo edificada com base na confusão proposital das palavras por indivíduos desprovidos de inteligência e coragem

Segundo turno nupcial

“Ué, você tá torcendo pra mim?” / “Não sei. Estou indeciso”

A imprensa morre no escuro

A atividade que já foi chamada de “quarto poder” escorrega perigosamente para a irrelevância

O resgate de Tocqueville

O desprezo pelo cristianismo, tão comum em meios “progressistas”, representa um perigoso afastamento dos pilares norte-americanos

A coerção e o coronavírus

A necessidade de restrições ocasionais não deve abalar os fundamentos do verdadeiro liberalismo, sustentado no “inovismo” e no “adultismo”

Uma nova doença: o vício em desculpas

Poucas figuras públicas têm a força de caráter para se recusar a pedir desculpas aos identitaristas, que gostam de desempenhar o papel de vítimas permanentes

Você não pode perder

A VOZ DAS REDES

Uma seleção de tuítes que nos permitem um olhar instigante do mundo, ajudam a pensar e divertem o espírito

LEIA MAIS

Oeste Notícias

R$ 19,90 por mês