Augusto Nunes estreia hoje programa na Jovem Pan - Revista Oeste

Edição da semana

Em 28 set 2020, 22:01

Augusto Nunes estreia hoje programa na Jovem Pan

28 set 2020, 22:01

Colunista de ‘Oeste’ vai entrevistar o vice-presidente Hamilton Mourão

augusto nunes

Foto: Divulgação

O jornalista Augusto Nunes estreia nesta segunda-feira, 28, às 21h30, na rádio Jovem Pan o programa de entrevistas Direto ao Ponto. O programa receberá um convidado por semana, que será sabatinado por uma bancada composta de formadores de opinião e figuras públicas. Na estreia, o vice-presidente da República, Hamilton Mourão, será o entrevistado. A atração vai ao ar todas as segundas-feiras, às 21h30.

TAGS

*O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

7 Comentários

  1. Jornalista com credibilidade. Parabéns à Jovem Pan.

    Responder
  2. Excelente iniciativa. Augusto Nunes é um dos poucos jornalistas de verdade que ainda subsistem e, com coragem e competência, enfrentam essa infame ditadura esquerdista que aparelhou nossas instituições.

    Responder
  3. Que vexame Cabrini e Thais, estragaram grande parte do programa. Acorda jovem pan. Thais Josias Joel e Cabrini mancham qualquer programa.

    Responder
  4. Excelente iniciativa e o programa foi muito bom. Mas dois entrevistadores atravessadores de samba poderiam ser bem melhores.

    Responder
  5. Vou DIRETO NO PONTO: VENDO LENÇOS, VERUSKA MAGALHÃES!!
    😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂
    A estreia foi EXCELENTE, Augusto!! O Mourão deu um show de história e de franqueza! Parabéns!!

    Responder
  6. Parabéns Augusto, ótima sacada para contrapor os manipuladores do Roda Morta. E Mourão é uma cara preparado e leal, embora eu tenha achado que ele foi por demais condescendente com o Congresso, com o STF e com os europeus e hipócritas ambientalistas. Como gaúcho que é, ele sabe que quando o cavalo é muito manso, todo mundo quer montá-lo,. E não devemos perdoar o inimigo, na maior, a não ser depois de “enforcá-lo”. Quanto à bancada, aí houve equívoco no que refere-se à comunista Thais, e ao pantomímico Cabrini, esse sim, um boquirroto pretensamente espetaculoso, e com cara de morto.

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a nossa newsletter

Colunistas

Vacinação sem vacina

Falar em obrigar a população inteira a se vacinar — com uma vacina que não existe — significa o quê? Um negócio da China?

Supremas diferenças

Ao compararmos o STF à Suprema Corte dos Estados Unidos, o choque é violento

A coerção e o coronavírus

A necessidade de restrições ocasionais não deve abalar os fundamentos do verdadeiro liberalismo, sustentado no “inovismo” e no “adultismo”

Uma nova doença: o vício em desculpas

Poucas figuras públicas têm a força de caráter para se recusar a pedir desculpas aos identitaristas, que gostam de desempenhar o papel de vítimas permanentes

Você não pode perder

Ciência, que é bom, nada

Ciência, que é bom, nada

"Desde o começo da epidemia a discussão vem sendo assim: política em primeiro lugar", afirma J.R. Guzzo...

A VOZ DAS REDES

Uma seleção de tuítes que nos permitem um olhar instigante do mundo, ajudam a pensar e divertem o espírito

LEIA MAIS

Oeste Notícias

R$ 19,90 por mês