Austrália começa a retomada com pandemia sob controle - Revista Oeste

Em 1 jun 2020, 09:45

Austrália começa a retomada com pandemia sob controle

1 jun 2020, 09:45

Estados do país já reiniciaram a reabertura; primeiro-ministro anunciou pacote bilionário de estímulo

Austrália - relaxando - medidas - restritivas

Foto: Lachlan Fearnley/Wikimedia

Os Estados da Austrália estão relaxando as medidas restritivas a partir desta segunda-feira, permitindo maior lotação nos restaurantes e a reabertura das atrações públicas. O governo está investindo em obras de infraestrutura, com o objetivo de auxiliar na retomada da economia.

A Austrália teve 7.200 casos confirmados do coronavírus e 103 mortos. Com a pandemia sob controle, o governo está indo em frente com o plano de reabertura, que deve ser concluído até julho, informa a agência Reuters.

Leia também: “Cientistas australianos contestam dados da pesquisa sobre cloroquina publicada na Lancet

No Estado de Nova Gales do Sul, o mais populoso, os restaurantes a partir de hoje permitem 50 clientes e 20 pessoas podem atender a um funeral. O limite anterior para as duas atividades era de 10 pessoas.

Atrações como galerias de arte, museus, livrarias e zoológicos também podem reabrir, claro que ainda respeitando algumas restrições.

Estímulos econômicos

A Austrália espera que o relaxamento das restrições ajude na retomada econômica. Mesmo assim, o primeiro-ministro do país, Scott Morrison, afirmou que estímulos são necessários.

O governo e o Banco Central anunciaram um pacote de 250 bilhões de dólares australianos, cerca de US$ 167 bilhões, que devem ser liberados até setembro.

MAIS: “China pressiona economicamente a Austrália”

Além das obras de infraestrutura, o governo de Morrison também estuda oferecer empréstimos subsidiados para que as pessoas reformem a própria residência.

TAGS

*O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a nossa news

Coronavírus

Oeste Notícias