Barroso pede processo eleitoral sem ódio e mentiras - Revista Oeste

Edição da semana

Em 28 set 2020, 17:01

Barroso pede processo eleitoral sem ódio nem mentiras

28 set 2020, 17:01

Presidente do Tribunal Superior Eleitoral, Luís Roberto Barroso também fala em evitar aglomerações

barroso - vídeo - tse

Barroso em depoimento sobre as eleições de 2020 | Foto: Reprodução/TSE

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Luís Roberto Barroso, veio a público no fim semana para fazer suas recomendações para o pleito deste ano. Em conteúdo transmitido na noite de sábado, 26, no rádio e na televisão aberta, o ministro pediu que os eleitores fiquem atentos para, assim, evitar a disseminação de fake news e discursos de ódio.

Leia mais: “Brasil tem recorde de candidatos inscritos”

“Uma causa que precise de mentiras, de ódio ou de agressões não pode ser boa”, declarou Barroso. Ele não explicou por quais razões então o TSE chamou o youtuber Atila Iamarino para ser garoto-propaganda de campanha contra notícias falsas. Conforme Oeste noticiou, o influenciador digital chegou a projetar 3 milhões de mortes no Brasil em decorrência do novo coronavírus.

Em relação à covid-19, o presidente do TSE deu dicas para a população em geral. Dicas que vão para além do período eleitoral. “As recomendações mais importantes são: evitar aglomerações, manter distância mínima de 1 metro das outras pessoas e sempre utilizar máscara”, declarou. Por fim, ele se dirigiu aos candidatos às eleições de 2020: “Reuniões devem ser feitas em lugares abertos e deve-se evitar a distribuição de impressos. Sempre que possível lave as mãos ou utilize álcool em gel após ter contato com alguém ou com algum objeto. Com esses cuidados, fica minimizado o risco de contaminação”.

Assista ao vídeo de Barroso

TAGS

*O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

13 Comentários

  1. Obrigado, mas o vídeo eu passo.

    Responder
  2. Quem é você para pedir, sobre ODIO e MENTIRAS? Vocês no STF são os incentivadores SUPREMO desse país, em ODIAR e MENTIR.

    Responder
  3. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    Este Barroso é uma piada! Olhem a pose de pavão!!

    Responder
    • Uiiiiíiiiii, LULU, boca de veludo.

      Responder
  4. Mais um patético integrante da nossa pequena corte.

    Responder
  5. Pelo visto os próprios colegas do ministro e outras autoridades não seguem as recomendações, haja vista o que aconteceu após a posse do min. Luiz Fux. Na frente das câmeras parece que todos os cuidados foram tomados. E depois, nos bastidores, será ? Isso sem falar na despedida do ex-ministro Mandetta. E ele é médico, hein ! Quanto às notícias falsas, quem se sentir prejudicado ou ofendido, que denuncie. O entendimento do mim. Barroso sobre o tem é bem seletivo e suspeito, basta verificar suas últimas atitudes e as pessoas com quem ele interage.

    Responder
    • tema

      Responder
  6. Eu vou fazer ok eles tanto pregaram vou ficar em casa so pq agora tem eleiçao tem que sair pra votar se sair vou e pegar uma praia despois justifico que tava com sintoma da covid.Ah fala serio essa pavao comunista calado e um poeta

    Responder
    • Ele está falando pra quem? Quem quer ouvi-lo?

      Responder
  7. Pensando bem, por que Atila Iamarino? Incógnita.

    Responder
  8. O alienado de mentalidade similar a do homem foca se manifesta!
    Mais um dos ministros levados ao STF apenas pela sua condição de militante ativo da esquerda, de ser limitado (serviçal) e amoral.
    É triste ao ouvirmos algo de valor vindo de determinadas pessoas, pois sabemos que a motivação real é a de recriminar quem não possui a sua retrógrada e perversa ideologia.

    Responder
  9. É mesmo? Ele devia sentar no colo do george soros, depois ir direto pro inferno sentar no colo do capeta por sua insolência, arrogancia, soberba e orgulho emanando de sua alma apodrecida!

    Responder
  10. Essa fala deveria ser dirigida ao Ministros do STF. Afinal, ultimamente são eles que estão plantando mentiras e ódio. Mentem quando interpretam a Constituição segundo interesses escusos de investigados denunciados e plantam ódio quando mostram aos cidadãos que o crime compensa e que todos serão libertados por seus habeas corpus infames . Ele era um bom Ministro que no começo até deu mostras de que seria diferente dos “garantístas” (aqueles que garantem que tudo vai ficar como está) , mas depois sucumbiu às delícias da vaidade e do corporativismo afundando o STF na desfaçatez dos “Felipes Netos” e nas defesas sem substância de investigados contumazes, driblando a constituição como um grande craque do juridiquês apoiando ações de Dias Tofolli e até do próprio Gilmar mendes, com que antes se confrontava. É uma pena!

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a nossa newsletter

Colunistas

Vacinação sem vacina

Falar em obrigar a população inteira a se vacinar — com uma vacina que não existe — significa o quê? Um negócio da China?

Supremas diferenças

Ao compararmos o STF à Suprema Corte dos Estados Unidos, o choque é violento

A coerção e o coronavírus

A necessidade de restrições ocasionais não deve abalar os fundamentos do verdadeiro liberalismo, sustentado no “inovismo” e no “adultismo”

Uma nova doença: o vício em desculpas

Poucas figuras públicas têm a força de caráter para se recusar a pedir desculpas aos identitaristas, que gostam de desempenhar o papel de vítimas permanentes

Você não pode perder

Ciência, que é bom, nada

Ciência, que é bom, nada

"Desde o começo da epidemia a discussão vem sendo assim: política em primeiro lugar", afirma J.R. Guzzo...

A VOZ DAS REDES

Uma seleção de tuítes que nos permitem um olhar instigante do mundo, ajudam a pensar e divertem o espírito

LEIA MAIS

Oeste Notícias

R$ 19,90 por mês