Bolsonaro quer definir o ministro da Educação ainda hoje - Revista Oeste

Em 7 jul 2020, 15:29

Bolsonaro quer definir o ministro da Educação ainda hoje

7 jul 2020, 15:29

Presidente diz que vai ouvir novo candidato ao MEC e líder do governo na Câmara, Major Vitor Hugo, está na “reserva” para assumir a pasta

Jair Bolsonaro

Presidente da República, Jair Bolsonaro | Foto: Marcos Corrêa/PR

O presidente Jair Bolsonaro disse nesta terça-feira, 7, que gostaria de decidir ainda hoje o novo ministro da Educação.

Mesmo após anunciar diagnóstico de covid-19, Bolsonaro afirmou que espera conversar com um candidato de São Paulo e deu sinais de que ele pode ser o escolhido.

O presidente confirmou também que o líder do governo na Câmara, Major Vitor Hugo (PSL-SP), está cotado para o cargo e o chamou de “reserva” para o posto.

“Eu espero hoje ter mais um contato. É um candidato do Estado de São Paulo. Talvez seja ele. Temos como reserva até o Major Vitor Hugo, que é líder do governo na Câmara”, disse o presidente no Palácio da Alvorada, sem revelar o nome do possível ministro.

Bolsonaro elogiou o líder do governo e destacou a confiança nele, mas lembrou que indicá-lo ao MEC geraria críticas pela presença de mais um militar no governo.

Nesta terça-feira, Bolsonaro ressaltou que o MEC é um ministério bastante complexo e voltou a criticar a qualidade do ensino no país.

“É um ministério que tem seus problemas ao longo dos anos. É um sinal de que a política do Paulo Freire não deu certo. É uma realidade. Tem muita coisa a ser mudada e ainda existe um certo aparelhamento”, disse ele.

Renato Feder

O secretário de Educação do Paraná, Renato Feder, rejeitou no último domingo, 5, o convite para assumir o Ministério da Educação.

Em postagem nas redes sociais, ele confirmou que recebera o convite do presidente Jair Bolsonaro na quinta-feira da semana passada, dia 2.

Com informações do Estadão Conteúdo

TAGS

*O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

1 Comentário

  1. Bolsonaro tem que trazer o Weintraub de volta. Foi o melhor Ministro da Educação deste século.

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a nossa news

Coronavírus

Oeste Notícias