Brasil está oficialmente saindo da recessão, garante Guedes

Edição da semana

Em Em 13 nov 2020, 16:40

Brasil está oficialmente saindo da recessão, garante Guedes

13 nov 2020, 16:40

Ministro da Economia afirmou que o desafio é transformar a retomada da economia em crescimento sustentável

Paulo Guedes

Ministro da Economia, Paulo Guedes | Foto: Edu Andrade/Ascom/Ministério da Economia

O Brasil está oficialmente saindo da recessão, afirmou nesta sexta-feira, 13, o ministro da Economia, Paulo Guedes.

Para o ministro, o governo tem cerca de um ano e meio para transformar a retomada da economia em crescimento sustentável. Ele destacou que sua “hipótese de trabalho” se apoia na constatação de que as contaminações pelo novo coronavírus estão em queda e que a “vacina está chegando”.

Leia mais: “Prévia do PIB sobe 9,47% no 3° trimestre, aponta BC”

“Em vez de uma onda de consumo, em uma forte recuperação cíclica, o desafio é transformar isso na ampliação da capacidade produtiva”, disse o ministro, ao participar do Encontro Nacional de Comércio Exterior.

O Índice de Atividade Econômica do Banco Central, divulgado nesta sexta-feira, mostrou crescimento de 9,47% no terceiro trimestre deste ano, na comparação com o segundo trimestre. Em setembro, confrontado com agosto, houve expansão de 1,29%.

Empregos

Guedes ressaltou que o país criou 300 mil empregos em setembro. Segundo o ministro, o “ritmo está tão forte que talvez seja difícil manter” o aumento nesse patamar.

Teto de gastos

O ministro da Economia voltou a defender o controle das contas públicas, por meio do teto de gastos. “Não vamos aumentar impostos, então precisamos do controle de gastos”, disse.

Servidores públicos

Guedes destacou ainda que os servidores públicos “aceitaram com patriotismo” o congelamento de salários neste ano e em 2021 como contribuição para o enfrentamento da pandemia.

TAGS

*O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

6 Comentários

  1. Excelente notícia em meio tantas notícias ruins em 2020.

    Responder
    • Bolsonaro e seus Ministros estão salvando o Brasil de uma tragédia social. É por isso que dizem que ” Deus é brasileiro”. Imaginem o país nas mãos dos PTralias e seus satélites.

      Responder
  2. Parabéns pela capacidade d gerir o Brasil em tempos difíceis. Gostaria d saber pq tanta gente apoia os profetas do caos, a mídia revoltada com o crescimento, os artistas sem lei Rouanet, os políticos q fazem d tudo p ganhar dinheiro vendendo o país p China, os partidos d esquerda q descobriram q sempre foram incompetentes no governo, os sites d checagem q são protótipos d olheiros do comunismo, misturados com bandidos sequestradores extorquindo empresas. Será q estas pessoas não conseguem enxergar o q está acontecendo no país ou o q vai acontecer? Acho q a mídia hj empurra a narrativa de que os apoiadores d Bolsonaro são “extrema direita” (famílias nas ruas com crianças apoiando o governo). A esquerda está planejando uma “frente ampla” unindo toda a esquerda em torno do PDT cujo o candidato Será o Ciro Gomes, o q ninguém t fala é q já existe um apoio declarado da China a candidatura de Ciro, e será tratada pela mídia como “extrema esquerda”. Nesta dita “polarização” vai aparecer um mediador, um iluminado, um homem capaz d unir o país dividido (acho q vcs já ouviram isso na eleição americana) e derrepente ex q surge do nada, Doria, Hulk ou moro, ou os três juntos, para a união do país, só q mais uma vez ninguém t fala q Doria representa a China, Hulk representa a Globo q tem acordo com a china, moro representa fernando henrique q representa George soros, parceiro da China. Em 2022 teremos uma luta em q um vai representar o Brasil e dois vão representar a China. A luta vai ser árdua, assim fica mais gostosa a Vitória.

    Responder
  3. Talvez fhc, lula, soros e cia virem poeira antes de 2022!

    Responder
    • Tudo é possível!

      Responder
    • Faço votos para que o seu “Talvez” seja “Certamente”. Em dois anos, essas múmias com certeza não virarão poeira mas dois deles talvez se mumifiquem devido as altas dosagens de álcool e o outro de THC , quanto ao terceiro eu não sei. Virarão sim, carne morta e em decomposição para a felicidade da maioria da nação.

      Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a nossa newsletter

Colunistas

Um caso de amor com a tirania

Na França, é cada vez mais evidente o namoro com o autoritarismo sob o disfarce da racionalidade, da competência administrativa, do bem comum, da justiça social

A obsessão da imprensa por Donald Trump

Com o único propósito de ser anti-Trump, a mídia não saberá o que fazer se não puder culpar o bufão laranja por todo o mal que eventualmente venha a acontecer

O Guevara da Daslu

Faça como Doria. Pare diante do espelho, fale meia dúzia de clichês do humanismo de butique e note que você também tem um corpinho de centro-esquerda

A China e a fábula dos pardais

Enquanto o discurso ambientalista foca a Amazônia e as mudanças climáticas, a China segue com suas práticas predatórias e não assume responsabilidades

O gênio e o mito

Maradona não deveria ser uma referência moral para ninguém. Mas é um equívoco não homenageá-lo por seu futebol-arte

A coerção e o coronavírus

A necessidade de restrições ocasionais não deve abalar os fundamentos do verdadeiro liberalismo, sustentado no “inovismo” e no “adultismo”

Uma nova doença: o vício em desculpas

Poucas figuras públicas têm a força de caráter para se recusar a pedir desculpas aos identitaristas, que gostam de desempenhar o papel de vítimas permanentes

Você não pode perder

A VOZ DAS REDES

Uma seleção de tuítes que nos permitem um olhar instigante do mundo, ajudam a pensar e divertem o espírito

LEIA MAIS

Oeste Notícias

R$ 19,90 por mês