Revista Oeste - Eleições 2022

2021: o pior ano da história do Jornal Nacional em audiência

A previsão é que o JN termine o ano com uma média de 24,4 pontos, a mais baixa de todos os tempos
-Publicidade-
Foto: reprodução TV Globo
Foto: reprodução TV Globo

O jornalista Ricardo Feltrin, do site UOL, revelou que o Jornal Nacional, da rede Globo, vive o pior momento de audiência de sua história. Segundo dados do Kantar Ibope Media, a previsão é que o JN termine 2021 com uma média de 24,4 pontos, a pior de todos os tempos.

O Jornal Nacional viveu seu ápice em 2004, quando a audiência chegou a 41,9 pontos. Foi o único momento acima dos 40 pontos.  Mas está perdendo espectadores, especialmente para plataformas de streaming e internet. A queda nesse período foi de 32% de público. Dois em cada cinco aparelhos de TV se desconectaram do jornal apresentado por William Bonner e Renata Vasconcellos.

O JN continua sendo líder de audiência no Brasil. Mas, segundo o levantamento de Ricardo Feltrin, “jamais a Record (9,7 pontos e 15% de share) esteve tão perto dele na tabela”. Desde 2013, o jornal não consegue alcançar os 30 pontos de audiência. Tem sido criticado pelo seu ativismo político e pela forma alarmista como noticiou a pandemia de covid-19.

-Publicidade-
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

14 comentários Ver comentários

  1. O jornal está colhendo o que plantou no último ano. Antes imparcial, agora um noticiário totalmente inverídico quando o.assunto é o governo federal. Quem acredita que em 2 anos o Bolsonaro só cometeu erros. Esse jornal só notícia o que lhes interessa, pois só bancam os terroristas da Covid-19 e nunca em nenhum momento noticiaram quantas pessoas foram salvas pelo exército da saúde e do bem. Por despeito e raiva só falam mal do governo. Não existe outros países no mundo.

  2. TRES CAMINHOS PARA REVERTEREM A SITUAÇÃO:
    1- DEIXAR DE SE ACHAREM OS DEUSES INTOCÁVEIS
    2- PRATICAR O JORNALISMO IMPARCIAL E ISENTO
    3- PARAR DE ESCONDER ASSUNTOS VERDADEIRAMENTE INTERESSANTES

    SE NÃO FIZEREM ISSO, ADEUS JORNALISMO GLOBAL!!!

  3. Na verdade em copas e recepções de hotéis, hospitais, self-services, restaurantes, recepções de clínicas e laboratórios, enfim locais públicos, não visualizo sintonizarem em SBT, band ou coisa pior. Só globolixo mas quando muitas vezes sem som e ninguém olha pros televisores. AUDIÊNCIA FALSA, mascarada. Eu particularmente presto a atenção nos apelos comerciais. Assim não tenho conta corrente com Itaú, Unibanco, não mais compro carros Fiat, sequer ingulo a Fátima Bernardes e os produtos sadia/perdigão!!!
    É como o datafolha. Hoje se vive da mentira embutida no povo sofrido.
    As FFAA perderam a grande oportunidade de fazer PIB de 8 a 9%, e reeditando o período glorioso à partir de 1964.
    Agora trabalhemos contra essa imprensa suja, e boca a boca continuemos divulgando as nossas pautas mais urgentes aos nossos concidadãos:
    RENOVAÇÃO MAIOR POSSIVEL DO CONGRESSO, EM ESPECIAL DO SENADO FEDERAL, OARA QUE TENHAMOS REPRESENTANTES MENOS IDIOTAS E EGOISTAS.
    PEC DA BENGALA
    PEC DA PRISÃO EM SEGUNDA INSTÂNCIA
    VOTO IMPRESSO EM URNA ELETRÔNICA COMO FORMA ÚNICA DE DESBANCAR O DATAFOLHA. Como pode um bandido protegido pelo estado aparelhado ser preferido, se sequer pode pisar num passeio público?
    FIM DO FORO PRIVILEGIADO.

  4. Ué, ainda está com ótimo “ibope”. Com vovós terrojornalistas de botequim como Miriam Leitão ou Cantanhede, macacas de auditório (sic) de Renan Calheiros, aquele do fio terra, talvez seja por isso que são fãs do cangaceiro, a Globo e Globonews só vão piorar.

  5. Enquanto ficar plantando notícias mentirosas e tentando puxar o país pra baixo, não tenho dúvidas, continuará descrevendo na popularidade de notícias.
    Ficar contra o povo,além de crime imperdoável, será seu próprio suicídio existencial . Só a imbecilidade esquerdista solapa esta verdade.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.