Agropecuária brasileira bate recorde de geração de empregos

O resultado é o melhor para o setor em sete meses desde 2011
-Publicidade-
Foto: Agência Brasília
Foto: Agência Brasília

No primeiro semestre de 2021, a agropecuária teve um saldo positivo de 176.674 postos de trabalho com carteira assinada entre janeiro e julho. O resultado é o melhor para o setor em sete meses desde 2011, além de representar um crescimento de 107% sobre igual período do ano passado. Os números são da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil, instituição fez o levantamento com base em dados disponibilizados pelo Ministério do Trabalho.

Leia também: “Agro: ‘As pessoas pensam que empreendedorismo é apenas abrir empresas, e não é’”

Em julho, o setor criou 25.422 novas vagas formais. O desempenho mais expressivo ocorreu na Região Sudeste (14.974). Na sequência, aparecem Nordeste (5.098), Centro-Oeste (3.970), Norte (771) e Sul (609).

-Publicidade-

São Paulo foi o Estado com a maior geração de empregos no sétimo mês de 2021, com saldo de 14.608 novas vagas. Outros destaques no crescimento de postos ocorreram em Mato Grosso (2.891), Pernambuco (1.455) e Rio Grande do Norte (1.189).

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro