Anvisa suspende uso do medicamento proxalutamida

Remédio está sendo testado no tratamento de tumores na próstata e no enfrentamento do novo coronavírus
-Publicidade-
Medicamento bloqueia a ação de hormônios masculinos
Medicamento bloqueia a ação de hormônios masculinos | Foto: Mariana Leal/Anvisa

Na quinta-feira 2, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) suspendeu a importação e o uso de produtos contendo a substância proxalutamida para fins de pesquisa científica envolvendo seres humanos. A Anvisa mandou abrir uma investigação de modo a analisar os documentos que permitiram a importação da mercadoria. Há indícios de fraudes na papelada.

Desenvolvida na China, a proxalutamida é uma droga que bloqueia a ação de hormônios masculinos. Atualmente, o remédio está sendo testado no enfrentamento de tumores na próstata. Pesquisadores também avaliam se o medicamento é eficaz na luta contra a covid-19. “As medidas foram adotadas com base no princípio da precaução”, comunicou a Anvisa.

Leia também: “A solução que venceu a ideologia”, reportagem publicada na Edição 3 da Revista Oeste

-Publicidade-
Telegram
-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro