-Publicidade-

Basílica de Aparecida abre missas aos fiéis, mas movimento é baixo

Santuário Nacional tem capacidade para receber 35 mil pessoas, mas abrigará, no máximo, mil fiéis em cada uma das três missas deste domingo
Santuário Nacional de Aparecida (SP) reabriu para missas presenciais neste domingo de Páscoa
Santuário Nacional de Aparecida (SP) reabriu para missas presenciais neste domingo de Páscoa | Divulgação/Thiago Leon/Santuário Nacional

Um dia depois da decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Kassio Nunes Marques de liberar a realização de cultos e missas em todo o país, o Santuário Nacional de Aparecida (SP) abriu aos fiéis neste domingo, 4.

Leia mais: “Prefeito de Aparecida critica restrições: ‘Minha cidade está destruída’”

Na primeira missa deste domingo de Páscoa, o movimento foi baixo, relata a Folha de S.Paulo: apenas 154 fiéis acompanharam a celebração religiosa na basílica. Quinze minutos antes do início da missa, havia cerca de 20 pessoas sentadas nos bancos.

Leia também: “Moradores de Aparecida (SP) protestam contra Doria”

O Santuário de Aparecida tem capacidade para receber 35 mil pessoas, mas abrigará, no máximo, mil fiéis em cada uma das três missas de Páscoa programadas para hoje. Tradicionalmente, um feriado religioso como a Páscoa atrai, em média, 100 mil pessoas à catedral.

Leia mais: “Aparecida do Norte, uma cidade que clama por socorro”

No sábado 3, Nunes Marques tomou a decisão em caráter liminar e determinou que Estados, municípios e o Distrito Federal não podem editar normas de combate à pandemia de covid-19 que proíbam celebrações religiosas presenciais. A decisão do ministro atende a uma ação movida pela Associação Nacional de Juristas Evangélicos (Anajure), que alegou violação ao direito à liberdade religiosa e ao princípio da laicidade do Estado.

Leia também: “Aparecida do Norte, um município fantasma; veja imagens”

O magistrado também determinou que sejam adotadas medidas de distanciamento social dentro das igrejas e templos religiosos, com ocupação dos assentos de forma espaçada, obrigatoriedade do uso de máscaras, distribuição de álcool em gel para os fiéis e medição de temperatura do público.

Leia também: “Comerciantes de Aparecida (SP) divulgam carta pela reabertura da economia”

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias.
Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.