Bolsonaro confirma auxílio emergencial até dezembro

Auxílio emergencial continua até dezembro mas poderá ter o valor reduzido pela metade
-Publicidade-
Presidente garante que Paulo Guedes segue no governo | Foto: Carolina Antunes/PR
Presidente garante que Paulo Guedes segue no governo | Foto: Carolina Antunes/PR | recursos

Mas o presidente não adiantou qual seria o valor das futuras parcelas do benefício

recursos
Presidente Jair Bolsonaro com o ministro Paulo Guedes | Foto: Carolina Antunes/PR
-Publicidade-

Nesta sexta-feira, 21, o presidente Jair Bolsonaro confirmou que o auxílio emergencial será prorrogado até dezembro. Bolsonaro alertou para o fato de que o benefício terá de acabar um dia, mas não soube dizer o valor a ser pago nas próximas parcelas.

Leia também: “Bolsonaro comemora Brasil ‘voltando à normalidade’ com geração de empregos”

“Enquanto for possível, manteremos [o auxílio], mas é preciso ter consciência que não dá para ser eterno”, disse Bolsonaro, durante visita ao interior do Rio Grande do Norte. Porém, quando questionado sobre a quantia a ser paga nas próximas parcelas, ele respondeu: “Só não sei o valor”.

Segundo o líder do governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE), a prorrogação do auxílio será anunciada oficialmente na próxima terça-feira, junto com outras medidas para a recuperação da economia do país.

Entretanto, para o senador Chico Rodrigues (DEM-RR), ex-vice-líder do governo, o valor das parcelas para os próximos meses já está definido. “Esse benefício emergencial será de R$ 300; essa foi uma definição junto com a equipe econômica do presidente Bolsonaro”, disse o senador ontem em entrevista à Rádio Senado.

O valor do auxílio hoje

Atualmente, o governo federal paga R$ 600 por mês a título de auxílio emergencial para pessoas que perderam renda ou ficaram desempregadas em razão da pandemia. Estima-se um custo de R$ 50 bilhões por mês aos cofres públicos.

Telegram
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site