-Publicidade-

Bolsonaro: ‘Plano de vacinação contra covid está quase pronto’

Governo negocia com a AstraZeneca e outros laboratórios
Foto: Carolina Antunes/PR
Foto: Carolina Antunes/PR | Foto: Carolina Antunes/PR

Governo negocia com a AstraZeneca e outros laboratórios

bolsonaro
Governador de São Paulo, João Doria tenta emplacar a “vachina” no plano de vacinação | Foto: Carolina Antunes/PR

O presidente Jair Bolsonaro anunciou que o plano nacional de imunização contra o coronavírus está praticamente pronto. Segundo ele, o governo federal vai adquirir uma vacina tão longo ela seja autorizada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). “Uma vez certificado pela Anvisa, qualquer medicamento e qualquer vacina, da nossa parte, imediatamente será adquirida”, assegurou Bolsonaro, durante live, na quinta-feira 26. “Além disso, um plano nacional de imunização está praticamente pronto no Ministério da Saúde”, acrescentou o presidente.

Atualmente, a pasta tem acordo para a compra de 100 milhões de doses do imunizante experimental desenvolvido pela farmacêutica AstraZeneca, em parceria com a Universidade de Oxford. A negociação prevê a transferência de tecnologia e produção local do imunizante pela Fundação Oswaldo Cruz. Também outros laboratórios estão em tratativas com o governo, como a Pfizer, a Moderna e a Johnson & Johnson. O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), tenta incluir a CoronaVac, conhecida na internet como “vachina”, no plano do governo federal.

Leia também: “Precisamos esperar por uma vacina?”

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

1 comentário

  1. Tá, estão obedecendo ao médico Lewandowski e o plano está quase pronto, show. E se Dória não quiser que São Paulo não seja incluída no plano? E se ele quiser aplicar a Vachina e esperar que ela fique pronta para isso, mesmo se outra vacina já esteja autorizada pela ANVISA? O que o médico Lewandowski vai dizer?

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês