Bolsonaro promete mostrar provas de suposta fraude na eleição de 2014

Presidente afirma que a petista Dilma Rousseff derrotou o tucano Aécio Neves graças a irregularidades no sistema de votação
-Publicidade-
Para o presidente Jair Bolsonaro, vitória de Dilma Rousseff (PT) em 2014 foi obtida graças a 'fraude'
Para o presidente Jair Bolsonaro, vitória de Dilma Rousseff (PT) em 2014 foi obtida graças a 'fraude' | Foto: Marcos Corrêa/PR

O presidente Jair Bolsonaro voltou a lançar suspeitas sobre a segurança do sistema 100% eletrônico de votação no Brasil. Nesta terça-feira, 20, em entrevista à Rádio Itatiaia, ele afirmou que apresentará provas de que a eleição presidencial de 2014, vencida por Dilma Rousseff (PT) no segundo turno contra Aécio Neves (PSDB), foi fraudada.

“Em uma hora dá para demonstrar tudo”, disse Bolsonaro sobre a suposta fraude que teria levado a petista à vitória sobre o tucano.

Leia mais: “Bolsonaro sugere que pode não disputar eleição se não houver voto verificável”

-Publicidade-

Segundo o presidente, a prova da possível fraude em 2014 será mostrada com a ajuda de um “hacker do bem” e do “pessoal que entende de informática”.  “Por que [grande parte dos parlamentares] é contra o voto impresso? É difícil entender o que está acontecendo”, criticou Bolsonaro, defendendo novamente o voto verificável já para as eleições de 2022. “É lamentável o que o ministro [Luís Roberto] Barroso [presidente do Tribunal Superior Eleitoral] está fazendo para manter o sistema de votação.”

Leia também: “Bolsonaro afirma que deve vetar ‘fundão’ de R$ 5,7 bilhões”

Ontem, como Oeste noticiou, Bolsonaro deu a entender que pode até não disputar a reeleição no ano que vem caso o sistema de votação no país não sofra nenhuma modificação. “Eu entrego a faixa para qualquer um. Se eu disputar a eleição, né? Se eu disputar, eu entrego a faixa para qualquer um. Uma eleição limpa”, disse a apoiadores.

Leia também: “É proibido modernizar a urna eletrônica?”, reportagem de Cristyan Costa publicada na Edição 69 da Revista Oeste

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site