-Publicidade-

Brasil é líder em casos de depressão durante a quarentena, aponta pesquisa da USP

"Brasileiros têm sofrido drasticamente o período de quarentena e lockdown", afirma pesquisador
Foto: PDPics/Pixabay
Foto: PDPics/Pixabay | Depressão e ansiedade
Depressão e ansiedade
A pandemia de Covid-19 tem se mostrado um evento traumático | Foto: PDPics/Pixabay

Uma pesquisa feita pela Universidade de São Paulo (USP) em 11 países revela o Brasil como o país que mais tem casos de ansiedade (63%) e depressão (59%) durante a pandemia. De acordo com o estudo, o segundo lugar ficou com a Irlanda (61% e 57%, respectivamente) e, o terceiro, com os Estado Unidos: 60% e 55%, na mesma ordem.

Leia também: “O fracasso do ‘lockdown’”, reportagem de capa publicada na 45ª edição da Revista Oeste

“Nós concluímos que a pandemia de Covid-19 tem se mostrado um evento traumático para muitas pessoas, levando aumento exponencial de sentimento de medo e estresse”, disse à CNN o professor de lazer e turismo da USP, Ricardo Uvinha. “A pesquisa reforça que os brasileiros têm sofrido drasticamente o período de quarentena e lockdown, em especial pela privação de atividades de lazer fora do ambiente doméstico.”

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês