Governo prorroga tarifa zero para importação de remédios e insumos contra o coronavírus

Lista de isentos abrange 298 produtos, entre medicamentos e seus insumos, testes para a detecção do vírus e as vacinas
-Publicidade-
O presidente da República, Jair Bolsonaro
O presidente da República, Jair Bolsonaro | Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

O governo federal prorrogou a isenção das tarifas para a importação de remédios e insumos usados no combate ao coronavírus. A medida foi adotada pela primeira vez em março de 2020 e estava prevista para acabar no último dia 31 de dezembro. No dia 29, no entanto, a resolução 133 do Comitê Executivo de Gestão da Câmara do Comércio Exterior do Ministério da Economia foi publicada no Diário Oficial  e estendeu o ato até 30 de junho de 2021 — a lista de isentos abrange 298 produtos, entre medicamentos e seus insumos, testes para a detecção do vírus e as vacinas. O presidente Jair Bolsonaro anunciou a medida pelo Twitter nesta sexta-feira, 1º.

Leia também: “Coronavírus: Fiocruz vai entregar 210 milhões de doses de vacina em 2021”

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.