Japão fica perto de regulamentar remédio contra covid-19

Avigan, da Fujifilm Toyama Chemical, tem o mesmo composto de medicamentos já aprovados na Rússia e na Índia [caption id="attachment_318379" align="aligncenter" width="640"] Avigan pode ser o primeiro remédio regulamentado pelo…
-Publicidade-
Avigan pode ser primeiro remédio regulamentado pelo governo do Japão contra a covid-19 | Foto: Divulgação
Avigan pode ser primeiro remédio regulamentado pelo governo do Japão contra a covid-19 | Foto: Divulgação | japão, avigan, remédio contra covid-19, coronavírus

Avigan, da Fujifilm Toyama Chemical, tem o mesmo composto de medicamentos já aprovados na Rússia e na Índia

japão, avigan, remédio contra covid-19, coronavírus
Avigan pode ser o primeiro remédio regulamentado pelo governo japonês contra covid-19
Foto: Divulgação
-Publicidade-

O antiviral Avigan, objeto de estudo da Fujifilm Toyama Chemical, subsidiária da Fujifilm Holdings Corp, obteve bons resultados no tratamento de casos leves de covid-19 em testes da terceira fase no Japão. Isso significa que o medicamento, além de seguro para uso em humanos, é eficaz.

Com isso, o remédio deve obter em breve a regulamentação do governo japonês para ser vendido ao público.

Durante as últimas testagens, em que metade dos 156 voluntários recebeu o Avigan e a outra metade  um placebo (pílula sem efeito farmacológico), os pacientes tratados com o medicamento obtiveram melhora em 11,9 dias contra 14,7 do outro grupo.

O Avigan foi produzido pela primeira vez no Japão para combater gripes, mas são realizados testes contra a covid-19 com o remédio desde o início da pandemia. A aprovação para uso geral ainda só não foi alcançada no país porque faltaram voluntários, isto é, doentes, para que o estudo pudesse ser concluído.

A medicação contém o mesmo princípio ativo, o favipiravir, de remédios já regulamentados pelos governos da Rússia e da Índia.

Telegram
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site