Missas voltam a ter público no Rio em 4 de julho

A Arquidiocese do Estado havia proibido missas e celebrações nas igrejas desde 20 de março por causa da covid-19.
-Publicidade-
Dom Orani Tempesta liberou missas e celebrações no Rio a partir de 4 de julho | Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado
Dom Orani Tempesta liberou missas e celebrações no Rio a partir de 4 de julho | Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado | missas, celebrações, rio, coronavírus, covid-19, reabertura

A Arquidiocese do Estado havia proibido missas e celebrações nas igrejas desde 20 de março por causa da covid-19

missas, celebrações, rio, coronavírus, covid-19, reabertura
Dom Orani Tempesta liberou missas e celebrações no Rio a partir de 4 de julho | Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado
-Publicidade-

As atividades religiosas nas mais de 280 igrejas do Rio serão reiniciadas a partir do 4 de julho.

O anúncio foi feito nesta sexta-feira e vale para missas e demais celebrações que estão sendo realizadas sem a presença de público desde 20 de março.

A decisão naquele momento por causa do medo da formação de aglomerações e para conter a propagação da covid-19 nas igrejas.

O arcebispo do Rio, dom Orani Tempesta, informou que a Arquidiocese respeita as normas estabelecidas e consultou profissionais de saúde.

Além disso, o arcebispo destacou que os fiéis serão orientados com relação ao distanciamento, higiene e uso de máscaras nas igrejas.

Dessa forma, a Arquidiocese divulgou novamente o documento que tinha apresentado no dia 7 de junho, em que dá orientações sobre protocolos a serem seguidos.

Há a recomendação para que, pessoas do grupo de risco não participem de missas e celebrações com público. Neste caso, devem continuar as celebrações virtuais.

“A partir dos dias 4 e 5 de julho retomamos as celebrações com todas as providências e cautelas”, finalizou o arcebispo.

Leia também: Papa Francisco: “Pandemia aguda foi superada na Itália”

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site