-Publicidade-

‘Ódio do bem’ se propaga contra Osmar Terra

Deputado federal está com covid-19
O deputado federal Osmar Terra: novo alvo do "ódio do bem" | Foto: Agência Brasil
O deputado federal Osmar Terra: novo alvo do "ódio do bem" | Foto: Agência Brasil | osmar terra - covid-19 - discurso de ódio

Deputado federal está com covid-19

osmar terra - covid-19 - discurso de ódio
O deputado federal Osmar Terra: novo alvo do “ódio do bem” | Foto: Agência Brasil

O colunista Hélio Schwartsman parece fazer escola de haters. Meses após usar o jornal Folha de S. Paulo para revelar sua torcida pela morte do presidente Jair Bolsonaro, ele vê o “ódio do bem” propagar-se contra mais um crítico da política de confinamento social: o deputado federal e ex-ministro da Cidadania Osmar Terra (MDB-RS). O político anunciou na tarde desta sexta-feira, 13, ter testado positivo para covid-19.

Leia mais: “Sleeping Giants ataca novamente”

“Estou bem e sem sintomas. Já iniciei tratamento precoce com hidroxicloroquina e ivermectina”, publicou o parlamentar em seu perfil no Twitter. “Comecei o isolamento em casa e cumprirei minha agenda de forma remota nos próximos dias seguindo as instruções médicas”, prosseguiu Terra por meio da rede social.

Pela plataforma virtual, o congressista tem recebido apoio e desejo de melhoras. Contudo, disseminadores de discurso de ódio aproveitam para ironizar a situação enfrentada por Osmar Terra. As mensagens com fake news (como garantir que o deputado acredita que o planeta é quadrado) e até a torcida pela morte estão sendo disseminadas livremente pelo Twitter. Há jornalistas e ex-ministro de Estado ironizando a luta dele contra o novo coronavírus.

Movimento virtual autodeclarado voz contra o “financiamento do discurso de ódio”, o Sleeping Giants Brasil ainda não se manifestou contra as mensagens direcionadas a Osmar Terra.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês