R$ 3 bilhões dos fundos partidário e eleitoral não serão usados para combater a covid-19

Caso a verba tivesse sido remanejada para a saúde, seria possível comprar 30 mil respiradores para hospitais
-Publicidade-
Deputados e Senadores não querem usar fundo partidário na covid-19 | Foto: Pedro França 
 - Agência Senado
Deputados e Senadores não querem usar fundo partidário na covid-19 | Foto: Pedro França - Agência Senado

Caso a verba tivesse sido remanejada para a saúde, seria possível comprar 30 mil respiradores para hospitais

-Publicidade-
O líder do partido Novo, deputado Paulo Ganime (RJ), criticou a decisão de vetar o uso do fundo para a saúde| Foto: PEDRO FRANÇA/AGÊNCIA SENADO

O destaque número 12 apresentado pelo partido Novo foi rejeitado ontem durante a votação da ‘PEC do orçamento de guerra’. Caso tivesse sido aprovado, transferiria, portanto, o dinheiro do fundo de campanhas eleitorais para a luta contra o coronavírus.

Juntos, os fundos partidário e eleitoral somam R$ 3 bilhões. De acordo com os autores da proposta moralizadora, o dinheiro permitiria comprar, por exemplo, equipamentos de proteção individual para mais de 9 milhões de profissionais de saúde e 30 mil respiradores para hospitais.

O líder do partido Novo na Câmara, deputado Paulo Ganime (RJ), criticou a decisão: “O rito regimental não foi cumprido para a nossa emenda”. Na ocasião, o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) também defendeu o remanejamento das verbas do fundo eleitoral para combater a covid-19.

Numa rede social, o deputado Vinicius Poit (Novo-SP), coautor do destaque, reclamou da decisão da Casa. “Defendi fundão para a saúde, corte temporário de parte dos salários e privilégios de políticos e da elite do serviço público. E por isso, fui chamado de insensível, moleque e oportunista”, desabafou.

Com informações da Agência Câmara de Notícias

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

6 comentários

  1. O pior vírus que assola o país não é o corona, esse é apenas o mais novo, e sim um que há muitos anos está acabando com país e seu povo honesto e trabalhado. O perigo real e mortal está dentro de uma Instituição chamada Congresso Nacional. Alí trabalham as piores espécies de seres humanos, com poucas exceções, e a maior prova disso é que até hoje não deram um sinalzinho sequer para abdicarem de uma parte do dinheiro público que tomam na marra dos brasileiros para bancar suas porcas campanhas eleitorais. São seres abjetos. O Presidente está demorando muito para usar o artigo 142 da Constituição. É só o que eles merecem juntamente com certa parte do STF que para mostrar seu grande patriotismo e compaixão do povo nessa hora vão se vacinar junto com suas famílias vão adquirir tudo com dinheiro público porque devem achar que ganham muito pouco para ter essa despesa.

  2. Sempre que posto comentários na outra revista que sou assinante, refiro-me ao “congresso” nacional como “ninho de ratos” e ao “stf” como “pocilga”. Aqui não será diferente. Sou um ardoroso defensor do fechamento de ambos.

  3. Partidos Políticos são EMPRESAS PRIVADAS. Por que o PRIVILÉGIO de receberem Fundo Partidário e Fundo Eleitoral ? Se estamos numa DEMOCRACIA, a Lei tem de ser igual para todos. Este Privilégio deveria se estender às demais Empresas Privadas.

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site