Covid-19: Brasil vai receber quatro milhões de doses de vacinas neste fim de semana

Os imunizantes chegarão por meio do consórcio Covax Facility

-Publicidade-
Covax Facility:  quatro milhões de doses chegam ao Brasil neste fim de semana
Covax Facility: quatro milhões de doses chegam ao Brasil neste fim de semana | Foto: Reprodução/OMS

O Ministério da Saúde informou, nesta sexta-feira, 30, que o Brasil vai receber, neste fim de semana, quatro milhões de doses do imunizante da Oxford/AstraZeneca por meio do Covax Facility, um consórcio global com mais de 150 países, criado impulsionar o desenvolvimento de imunizantes contra a covid-19. e a distribuição equitativa deles.

Durante entrevista coletiva em Brasília, o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, explicou que haverá três remessas: 220 mil doses chegam no sábado, 1º, e o restante, no domingo, 2. “Serão dois voos, sendo o primeiro com 1,7 milhão e o segundo, com 2,1 milhões de doses”.

-Publicidade-

Como noticiou OESTE, o anúncio de que o Brasil receberia quatro milhões de doses em maio, já havia sido feito pelo ministro, que não revelou datas. A previsão era receber dois milhões de doses, mas o governo conseguiu a antecipação da remessa prevista para junho.

Leia também: “Em conferência com OMS, Queiroga pede envio de doses extras de vacinas ao Brasil” 

Com a chegada das 4 milhões de doses no fim de semana, o Ministério da Saúde contabiliza mais de 17 milhões de novas doses de imunizantes contra a covid-19, desde a última quarta-feira, 28.

“São mais de 17 milhões de doses de vacinas em um intervalo de seis dias. Então, 17 milhões de doses. Isso equivale a mais que a população de Portugal, de Israel e Grécia. Mostrando que as ações que estão sendo empreendidas no Ministério da Saúde, em parceria da Opas [Organização Pan-Americana de Saúde], em parceria da OMS [Organização Mundial da Saúde], da nossa diplomacia, estão sendo muito bem sucedidas e trazem uma tranquilidade para a nossa sociedade”, destacou o ministro.

Leia também: “Senado aprova projeto que autoriza quebra de patente de vacinas contra covid-19”

Com informações do portal G1

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site