Depois de 557 dias, SP registra menor número de internados por covid-19

As taxas de ocupação dos leitos de UTI também estão entre as menores da história da pandemia
-Publicidade-
Transmissão do vírus perde força com avanço da vacinação
Transmissão do vírus perde força com avanço da vacinação | Foto: Reprodução/Mídias sociais

Na quinta-feira 14, o Estado de São Paulo registrou 3,9 mil pacientes internados com covid-19 em leitos hospitalares. Segundo o governo do Estado, essa é a primeira vez em 557 dias que o número de internados fica abaixo de quatro mil pacientes.

No pico da segunda onda da pandemia, em março deste ano, o total de internados chegou a ser oito vezes maior que o registrado agora, com 31 mil pacientes em tratamento nos hospitais de São Paulo.

As taxas de ocupação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva também estão entre as menores da história da pandemia, com 28,8% no Estado (1,9 mil internados) e 36,1% na Grande São Paulo (1,1 mil).

-Publicidade-

Vacinação

A redução dos índices de internações acontece em meio ao avanço da vacinação no Estado. Segundo os dados do governo paulista, entre os adultos, 99,4% tomaram ao menos uma dose da vacina contra a covid-19. Além disso, 81,6% dos maiores de 18 anos já estão com o esquema vacinal completo.

Leia também: “ANS nomeia especialista para assumir direção técnica na Prevent Senior”

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.