Estado deve cortar da própria carne para combater o coronavírus, afirma organização

"Precisamos discutir o cessamento dos pagamentos de salário acima do teto constitucional para a elite do funcionalismo público, uma medida que sozinha economizaria R$ 10 bilhões por ano, além de debater, claro, os cortes na carne", afirma a SFLB
-Publicidade-
Foto:Steve Buissinne/Pixabay
Foto:Steve Buissinne/Pixabay | Economizar

De acordo com a Students For Liberty Brasil (SFLB), o corte dos supersalários dos funcionários públicos pode gerar até  R$ 10 bilhões por ano

Economizar
Foto:Steve Buissinne/Pixabay
-Publicidade-

A Students For Liberty Brasil (SFLB) defende cortes nos salários acima do teto constitucional do funcionalismo público para combater o coronavírus. A organização de viés liberal que não possui fins lucrativos também defende a diminuição da burocracia, com o objetivo de melhorar os serviços públicos e incentivar a inovação.

Em nota, o diretor de operações do SFLB, André Migliore Freo, afirmou que: “Precisamos discutir o cessamento dos pagamentos de salário acima do teto constitucional para a elite do funcionalismo público, uma medida que sozinha economizaria R$ 10 bilhões por ano, além de debater, claro, os cortes na carne”.

O grupo defende que o Estado pode coordenar ações de saúde, segurança e educação, especialmente para os grupos mais carentes em um momento de crise como o que passamos, mas que é preciso administrar.

“Está claro que não precisamos de novos impostos, mas rediscutir os gastos do estado brasileiro. Como em meio à uma pandemia continuamos enterrando bilhões em fundo eleitoral, fundo partidário, e não revemos nem os gastos com carros oficiais? No futuro, precisamos mirar o exemplo da Alemanha, passaram anos economizando, e, agora, em um momento de crise, eles têm uma reserva financeira à disposição do país”, diz Freo.

A SFLB afirma que o Estado brasileiro deve diminuir as regulações e a burocracia, que a liberação da telemedicina foi acertada e que outras medidas devem seguir o mesmo caminho.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

2 comentários

  1. Infelizmente, só nos livraremos dessa tragédia com uma outra, muito maior: com o TERROR. Como isso não acontecerá, estamos fadados a viver nessa ameba…

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site