Revista Oeste - Eleições 2022

Gaviões da Fiel vai ter ‘Bolsonaro gay’ na avenida

A primeira-dama, Michelle, será representada por uma bailarina na passarela do samba
-Publicidade-
O desfile de Carnaval da escola de samba está previsto para ocorrer no Sambódromo do Anhembi
O desfile de Carnaval da escola de samba está previsto para ocorrer no Sambódromo do Anhembi | Foto: Marcos Corrêa/Fotos Públicas

O presidente Jair Bolsonaro será representado por um personagem gay pela escola de samba Gaviões da Fiel. O desfile de Carnaval da escola de samba está previsto para ocorrer no Sambódromo do Anhembi, no sábado 23, na capital paulista, noticiou o jornal Folha de S.Paulo. O cabeleireiro Neandro Ferreira interpretará o presidente.

Intitulado Basta, o samba-enredo da escola fala sobre desigualdade social e as diversas facetas dessa divisão. O figurino de Neandro inclui até a faixa presidencial. Ele estará acompanhado de uma bailarina, que representará a primeira-dama do Brasil, Michele Bolsonaro, durante o desfile no Sambódromo.

Atualização: às 20h44, a Gaviões da Fiel desmentiu a reportagem do jornal Folha de S.Paulo sobre o assunto. Contudo, a Gaviões da Fiel ainda não esclareceu quais pontos da notícia estão incorretos.

-Publicidade-
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

9 comentários Ver comentários

  1. Mais um KKKKKKKKKK de Bolsonaro sobre isso aumenta mais alguns milhões de seguidores no Brasil e no mundo.
    Não se tocam da goleada de 8 a 1 em 8 de outubro.
    A petralhada tá em abstinência por quase 4 anos. Mais 4 será insignificante.

  2. E qual o ponto de suposto insulto que essa escola de samba quer imputar ao presidente? Então querem dizer que ser gay é vergonhoso? AÍ STF, CAMBADA LGBTQUIABO, OLHA O CRIME DE HOMOFOBIA!!!! Qual o problema em ser representado como gay? Não entendi…

  3. Pronto o carnavalesco ficou famoso e vai ser notícia por meses por este feito fantástico. AGU, CGU, MP e o cacete a quatro deveriam lhe ajudar a ser mais famoso e meter um processo na cara do cidadão.

  4. Cada um põe na avenida o que melhor representa a escola, conforme os gostos dos dirigentes.

    Numa democracia temos que respeitar essas minorias, afinal pouco importa o que fazem na sua intimidade.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.