Justiça leiloa fazenda de R$ 30 milhões de bicheiro de Mato Grosso

No total, a Justiça pretende leiloar cerca de 100 milhões em bens que fizeram parte do patrimônio de Comendador Arcanjo
-Publicidade-
O bicheiro João Arcanjo Ribeiro, também conhecido como Comendador Arcanjo
O bicheiro João Arcanjo Ribeiro, também conhecido como Comendador Arcanjo | Foto: Divulgação/Polícia Civil

O Ministério da Justiça põe em leilão uma fazenda que pertenceu a João Arcanjo Ribeiro. Também conhecido como Comendador Arcanjo, ele foi acusado de ser um dos chefes do jogo de bicho em Mato Grosso. O lance mínimo está estipulado em R$ 30 milhões e a disputa deve terminar no próximo dia 11.

No total, a Justiça pretende leiloar cerca de R$ 100 milhões em bens que fizeram parte do patrimônio do bicheiro. Milhares de cabeças de gado estão entre os itens que já foram vendidos.

Leia também: “Joias de Sergio Cabral são vendidas em leilão por mais de R$ 4,5 milhões”

-Publicidade-
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.