Marco Aurélio Mello critica convocação de governadores na CPI

Ministro do Supremo Tribunal Federal afirma que esfera para análise de eventuais irregularidades de gestores estaduais não é o Senado; magistrado fala em atuação 'equivocada' de CPI
-Publicidade-
O ministro Marco Aurélio Mello, do STF, criticou a convocação de governadores pela CPI da Covid
O ministro Marco Aurélio Mello, do STF, criticou a convocação de governadores pela CPI da Covid | Foto: José Cruz/Agência Brasil

O ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), criticou a convocação de governadores para prestarem depoimento à CPI da Covid no Senado. O magistrado afirmou que cabe à Justiça de cada Estado, e não aos senadores, analisarem se houve irregularidades praticadas pelos gestores estaduais durante a pandemia de covid-19.

“Eu não vejo como tenham aprovado agora a convocação de governadores. Eu creio que tem alguma coisa equivocada em termos de atuação da comissão parlamentar de inquérito”, afirmou Marco Aurélio em entrevista ao canal do historiador Marco Antonio Villa no YouTube.

Leia mais: “Randolfe sabe ou ignora que a CPI não pode convocar o presidente da República?”

-Publicidade-

“Mas precisamos aguardar qual vai ser o convencimento da maioria que virá a se formar no âmbito do Supremo [Tribunal Federal]. Continuo convencido de que CPI federal, existente na Câmara ou no Senado, não pode convocar governador. É claro que a CPI atua na investigação, mas quando se tem um envolvimento com governador de Estado, a seara para apurar se há responsabilidade, é outra”, completou o ministro.

Leia também: “Governadores avaliam ir ao STF para impedir convocação de CPI”

Telegram
-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro