MP pede bloqueio de R$ 1 bilhão após barragem transbordar em MG

Segundo o órgão, os responsáveis ainda devem adotar as providências necessárias para impedir o agravamento da situação
-Publicidade-
De acordo com a Defesa Civil do Estado houve um sobrecarregamento do sistema de drenagem, que não teria suportado a chuva e transbordado
De acordo com a Defesa Civil do Estado houve um sobrecarregamento do sistema de drenagem, que não teria suportado a chuva e transbordado | Foto: Reprodução/Redes Sociais

O Ministério Público de Minas Gerais (MP-MG) moveu uma ação civil contra a empresa Vallourec Tubos do Brasil, responsável pela barragem de Mina Pau Branco, que transbordou no sábado 8, em Nova Lima. (MG).

Na ação, o MP-MG e a Advocacia-Geral do Estado pedem a adoção de medidas preventivas e reparadoras depois do transbordamento do dique da barragem, que não suportou o alto volume de chuvas na região.

Segundo o documento, os responsáveis ainda devem adotar as providências necessárias para impedir o agravamento da situação.

-Publicidade-

Como garantia da reparação de danos, o MP-MG pede à Justiça o bloqueio de ao menos R$ 1 bilhão da Vallourec e a fixação de multa diária de R$ 1 milhão no caso de descumprimento.

“Aparentemente, não houve vítimas fatais, mas o fato gerou a evacuação de pessoas e interdição da rodovia BR-040 e já é possível afirmar que causou danos socioeconômicos e socioambientais ainda pendentes de diagnóstico e mensuração, de modo que se objetiva, com a ação judicial, assegurar que serão cautelarmente disponibilizados todos os meios necessários à integral reparação”, informou um trecho do documento.

A Vallourec não se manifestou sobre o pedido do MP-MG.

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.