-Publicidade-

Ovulário? É assim que a esquerda batiza encontro de mulheres

Um evento feminista em Jacobina, na Bahia, que poderia ser chamado de "seminário" - foi batizado pelas organizadoras de OVULÁRIO

Em um cenário em que o título de “Pai do Ano” é dado a uma mulher e o prêmio de “Miss Espanha” foi dado a um homem, a patrulha identitária e o policiamento da linguagem têm novo alvo. Um evento feminista em Jacobina, na Bahia — que poderia ser chamado de “seminário” —, foi batizado pelas organizadoras de OVULÁRIO.

A explicação, segundo as feministas, é que a palavra seminário vem de “sêmen”. Captou?

Leia também o artigo de J. R. Guzzo:  “Os progressistas e a marcha da insensatez”

 

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês