Parlamentar gaúcho pede impeachment de Dias Toffoli

Deputado alega que o jurista cometeu crime de responsabilidade ao participar do julgamento que anulou a delação de Sérgio Cabral
-Publicidade-
O ministro Dias Toffoli, do Supremo Tribunal Federal
O ministro Dias Toffoli, do Supremo Tribunal Federal | Foto: Repodrução/Agência Brasil

Eric Lins (DEM-RS), deputado estadual do Rio Grande do Sul, apresentou um pedido de impeachment no Senado contra o ministro do Supremo Tribunal Federal Dias Toffoli. O parlamentar alega que o jurista cometeu crime de responsabilidade ao participar do julgamento que anulou a delação do ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral. Em seu depoimento, o político carioca acusou Toffoli de receber dinheiro para alterar decisões no Tribunal Superior Eleitoral.

“Protocolei neste momento, no Senado Federal, denúncia contra o Ministro Dias Toffoli por cometimento do crime de responsabilidade previsto no art. 39, 2 da Lei 1079/50″, publicou o deputado no Twitter. O arquivamento de inquérito para investigar Toffoli, por parte da Procuradoria-Geral da República, motivou o parlamentar gaúcho a entrar com a ação. “Precisamos preservar o bom senso e o equilíbrio na República. Um ministro da mais alta corte do país atuar em uma causa que impede que ele mesmo seja investigado, é muito grave para cair no esquecimento”, disse Lins.

Leia também: “No lugar dele, teria me declarado impedido’, diz Marco Aurélio sobre Toffoli em julgamento de Cabral”

-Publicidade-

 

Telegram
-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro