Por falta de doses, Rio suspende vacinação de adolescentes

Ministério da Saúde atrasou entrega de imunizantes, alega prefeitura
-Publicidade-
Rio de Janeiro volta a sofrer com falta de doses contra a covid-19
Rio de Janeiro volta a sofrer com falta de doses contra a covid-19 | Foto: Canva

A prefeitura do Rio de Janeiro suspendeu nesta quarta-feira, 1º, a vacinação contra a covid-19 de adolescentes com 16 anos de idade. Segundo a gestão municipal, houve atraso no envio de imunizantes pelo Ministério da Saúde e, com isso, há falta de doses neste momento.

A repescagem destinada a adultos com 40 anos ou mais, por sua vez, está mantida. A cidade também continua com a vacinação de gestantes, puérperas, lactantes e pessoas com algum tipo de deficiência a partir dos 12 anos.

Leia mais: “Passaporte sanitário: prefeito do Rio afirma que objetivo é ‘criar ambiente difícil’ para não vacinados”

-Publicidade-

Também nesta quarta, o Rio iniciou a aplicação da dose de reforço contra a covid-19 em idosos que estão em instituições de longa permanência.

Leia também: “Rio impõe o passaporte sanitário para entrada em estabelecimentos”

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro