Respiradores desenvolvidos pela Nasa serão produzidos no Brasil

Duas empresas foram licenciadas e já podem iniciar a produção no país
-Publicidade-
Nasa cai nas graças do politicamente correto | Foto: DIVULGAÇÃO/FLICKR
Nasa cai nas graças do politicamente correto | Foto: DIVULGAÇÃO/FLICKR | Nasa cai nas graças do politicamente correto | Foto: DIVULGAÇÃO/FLICKR

Duas empresas foram licenciadas e já podem iniciar a produção no país

contra preconceito
Foto com o símbolo da NASA | Foto: DIVULGAÇÃO/FLICKR

Famosa por suas empreitadas no espaço, a NASA resolveu entrar na guerra planetária contra o coronavírus. O resultado é um respirador para uso específico no tratamento da covid-19 que será fabricado por 28 empresas ao redor do mundo, incluindo duas no Brasil.

-Publicidade-

Leia também: Imagem da Nasa prova que a Floresta Amazônica não está em chamas

Segundo Jim Bridenstine, administrador da agência espacial, “as Missões da NASA para explorar fora da Terra beneficiaram a vida na Terra e proporcionaram um meio para que os Estados Unidos fortalecessem suas relações globais”. Com essa visão, os engenheiros do Laboratório de Propulsão a Jato da NASA, localizado no Sul da Califórnia, desenvolveram as duas versões do protótipo de ventilador mecânico que recebeu o sugestivo nome de VITAL. O uso desses equipamentos foi liberado pelas autoridades daquele país em 24 março.

Ao redor do mundo, 100 empresas de 42 países diferentes tentaram o licenciamento para a produção. Entretanto, apenas 28 conseguiram, e somente em 6 nações. O Brasil, é uma delas.

Aqui, a NASA licenciou a produção em duas empresas, a CIMATEC, do Senai da Bahia, e a Russer Indústria Médica, localizada em Indaiatuba, no interior de São Paulo. Por enquanto, elas trabalham em parceria. O aparelho foi liberado pela Anvisa em 24 de agosto.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.