Sem liberação da Sputnik V, dono da União Química acusa Anvisa de favorecer Doria, PT e PCdoB

Fernando Marques afirma que se sentiu 'humilhado' em reunião com Antônio Barra Torres, presidente da agência reguladora
-Publicidade-
Negociações para aprovação da vacina russa estão travadas na Anvisa
Negociações para aprovação da vacina russa estão travadas na Anvisa | Foto: Kevin David/A7 Press/Estadão Conteúdo

Com as negociações travadas entre a União Química e a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) em torno da aprovação da vacina russa Sputnik V, contra a covid-19, o dono do laboratório, Fernando Marques, gravou um áudio em que dispara críticas e acusações contra a agência reguladora sanitária.

A mensagem, de pouco mais de dois minutos de duração, foi inicialmente enviada ao empresário Luciano Hang, proprietário das lojas Havan, mas o jornal O Estado de S.Paulo obteve o áudio. Segundo a publicação, a mensagem também chegou ao presidente Jair Bolsonaro.

Leia mais: “Alemanha, Espanha e França fecham acordo para produção de vacina russa”

-Publicidade-

“Eles [Anvisa] querem manter a coisa com a Fiocruz e com o Instituto Butantan. Butantan na mão do [João] Doria e Fiocruz na mão do PT, PCdoB. E, porra, não tem vacina, o povo está morrendo”, diz Marques na gravação.

O empresário também se disse “humilhado” em reunião com o presidente da Anvisa, Antônio Barra Torres. “É uma loucura. Eu estive com o Barra na semana passada. Ele só faltou me mandar acompanhar até o carro. Fui humilhado. Parece que é um criminoso alguém que quer trazer a vacina ao Brasil, que está sendo usada pelos russos, independente, em mais de 40 países”, afirma.

Em nota ao jornal, a Anvisa diz que a União Química apresentou “informações sobre qualidade, eficácia e segurança da vacina”, mas que o “relatório oficial não foi enviado”. Segundo a agência, “estão pendentes dados essenciais para a análise, que estão sendo discutidos entre as partes”.

Leia também: “Saúde anuncia compra de 10 milhões de doses da Sputnik V”

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

2 comentários

  1. Essa afirmação da “Fiocruz na mão do PT, PCdoB” é o que sempre se ouviu. O Governo errou quando o Mandeta colocou todos os ovos nessa cesta … Em fevereiro de 2000 a Fiocruz queria o monopólio dos teste de Covid – 100 mil testes por mês por um absurdo de dinheiro.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site