Senadora quer Amazônia como ‘ativo econômico’ do Brasil

Kátia Abreu (PP-TO) falou da importância da Floresta Amazônica para o país
-Publicidade-
Foto: REPRODUÇÃO
Foto: REPRODUÇÃO | floresta amazônica - ativo econômico - kátia abreu

Kátia Abreu falou da importância da Floresta Amazônica para o país

floresta amazônica - ativo econômico - kátia abreu
Foto: REPRODUÇÃO
-Publicidade-

O vice-presidente da República e coordenador do Conselho Nacional da Amazônia Legal, Hamilton Mourão, conversou com senadores na tarde desta terça-feira, 14. Além de fazer apresentação a respeito das estratégias definidas para o combate ao desmatamento e às queimadas na região, ele falou — e ouviu — sobre questões relacionadas a outros temas.

Leia mais: “Ricardo Salles é um ‘parceiro’ no combate ao desmatamento, reforça Mourão”

Um dos assuntos foi posto em pauta pela senadora Kátia Abreu (PP-TO). De acordo com a parlamentar, é importante realizar trabalhos nos âmbitos da sustentabilidade e da preservação do meio ambiente. No entanto, é necessário pensar em todo o Bioma Amazônia como espaço a desenvolver economicamente, gerando empregos.

“Ativo econômico”

“A floresta tem que ser um ativo econômico do país”, enfatizou a parlamentar que representa o Tocantins, um dos Estados que pertencem à chamada Amazônia Legal. Como resposta, a senadora ouviu do vice-presidente que haverá compromisso nesse sentido. Durante o todo da sessão, Mourão enfatizou, no entanto, que a prioridade é preservar o meio ambiente.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias.
Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.