Tribunal vai abrir ação para analisar contrato entre o Butantan e a China

Conselheiro da corte ressalta falta de transparência e dificuldade na obtenção de documentos da CoronaVac
-Publicidade-
O diretor do Instituto Butantan, Dimas Covas, no Palácio dos Bandeirantes | Foto: Aloisio Mauricio/Estadão Conteúdo
O diretor do Instituto Butantan, Dimas Covas, no Palácio dos Bandeirantes | Foto: Aloisio Mauricio/Estadão Conteúdo

A parceria entre o Instituto Butantan e o laboratório chinês Sinovac será investigada pelo Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE-SP). É o que informou a presidente da corte, conselheira Cristiana de Castro Moraes. “O contrato já foi requerido”, declarou ela, durante sessão com colegas, na quarta-feira 23, ao mencionar dificuldades para a obtenção do documento que trata da CoronaVac. “Pretendo criar um processo específico e fazer uma distribuição aleatória da papelada”, disse Moraes. A decisão ocorreu no mesmo dia em que as contas do governo João Doria (PSDB-SP) foram aprovadas pelo tribunal, com ressalvas.

Em relatório elaborado pelo conselheiro do TCE-SP Dimas Ramalho, o Instituto Butantan é elogiado pelos esforços em prol do imunizante chinês, mas criticado por falta de transparência no fornecimento de informações ao tribunal sobre a vacina. “Depois de reiteradas notificações, o Butantan alegou que, em virtude das cláusulas de sigilo e confidencialidade que envolvem a referida contratação, o instituto estaria em tratativas com a empresa Sinovac com a finalidade de obter autorização por meio de ‘Termo de Transferência de Confidencialidade'”, observou Ramalho, em parecer.

Com a abertura de um processo, haverá manifestação obrigatória dos órgãos técnicos.

-Publicidade-

Leia também: “A verdade sobre a CoronaVac”, reportagem publicada na Edição 32 da Revista Oeste

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site