Sob suspeita de fraude, hospital de campanha pode não abrir no Rio - Revista Oeste

Em 22 Maio 2020, 16:10

Sob suspeita de fraude, hospital de campanha pode não abrir no Rio

22 Maio 2020, 16:10

Secretário de Saúde do Rio vai cobrar de organização social responsável por obra em Casemiro de Abreu abertura de unidades, mas admite que nem todas devem ser entregues

Hospital de Campanha do Maracanã: o único entregue — com problemas — pelo Iabas
Foto: Divulgação/Governo do Rio de Janeiro

O secretário de Saúde do Rio de Janeiro, Fernando Ferry, afirmou que vai cobrar do Instituto de Atenção Básica e Avançada à Saúde (Iabas) — organização social responsável pelos hospitais de campanha do Maracanã e de Casemiro de Abreu — a abertura das unidades e os leitos contratados para o combate ao coronavírus.

Ferry, no entanto, já admite, que, devido ao atraso nas obras, principalmente em Casemiro de Abreu, nem todos os hospitais deverão ser abertos.

“Precisamos avaliar com cuidado a necessidade de abrir os outros hospitais de campanha”, avaliou, tardiamente, o secretário. “A curva de contaminados, agora, está com leve queda.” Segundo ele, o Tribunal de Contas do Estado e uma comissão estadual atuam para reaver o dinheiro investido nessas unidades.

Enquanto isso, em SP: “A situação do Hospital Estadual do Ipiranga em meio à pandemia”

A declaração foi dada durante a entrega de 30 leitos de enfermaria ao Hospital de Campanha do Maracanã, que conta agora com os 400 leitos prometidos de início. É o único hospital gerido pelo Iabas que foi contratado pelo governo e integralmente entregue, ainda que ontem, quinta-feira 21, funcionários tenham feito denúncias de que o local é um “matadouro”, onde faltam medicamentos e médicos e enfermeiros atuam em um “campo de guerra e morte”.

Leia também “O ataque do Covidão”, reportagem publicada na Edição 7 da Revista Oeste

TAGS

1 Comentário

  1. Esse é o estado do governador traíra que queria ser presidente da republica. Bolsonaro tem muito defeitos, mas a sorte dele é que os seus adversários são ruins demais. Em todos os sentidos.

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Coronavírus

Assine a nossa news

Oeste Notícias