Entregadores de aplicativos organizam ato contra regulamentação do setor

Edição da semana

Em Em 21 set 2020, 17:40

Covas é alvo de protesto contra burocratização dos aplicativos de entrega

21 set 2020, 17:40

Grupo se movimenta contra dois projetos de lei que tramitam na Câmara dos Vereadores de São Paulo

entregadores de aplicativos

Entregadores em protesto | Foto: Roberto Parizotti/Fotos Públicas

Entregadores de aplicativos, como iFood e Rappi, prometem realizar manifestação amanhã de manhã  em São Paulo. Eles se posicionam contrários a dois projetos de lei que tramitam na Câmara dos Vereadores da capital paulista que visam a regulamentar o setor.

Estônia, o país que se livrou do comunismo para tornar-se uma república digital, artigo de Dagomir Marquezi publicado na edição de 26 da Revista Oeste

De acordo com o grupo de entregadores, os projetos vão resultar em “burocratização e risco de sucateamento do setor” caso sejam aprovados pelo Legislativo paulistano e, na sequência, sancionados pelo prefeito Bruno Covas (PSDB). Além disso, o movimento fala em risco de deixar mais de 270 mil motoboys sem emprego na capital paulista. Dessa forma, os organizadores afirmam que o prefeito e os vereadores serão alvos da manifestação.

“As obrigatoriedades de licença especial de motofrentista e do emplacamento da moto criam barreiras que afetarão diretamente 272 mil trabalhadores que atuam na região. Tudo isso em meio a uma crise que já ceifou 138 mil empregos de abril a junho”, afirma o grupo de manifestantes em nota enviada à imprensa.

A reclamação ocorre porque os projetos indicam, entre outros pontos, a obrigatoriedade da contratação via carteira assinada para os entregadores. Além disso, os motoboys teriam de pagar taxas e realizar adequações nas motos.

Pacaembu

A manifestação promovida por entregadores de aplicativos está programada para ter início às 10 horas de terça-feira 22 na Praça Charles Miller, em frente ao Estádio do Pacaembu, na zona oeste de São Paulo.

TAGS

*O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

1 Comentário

  1. Esses caras não conseguem ter uma idéia boa? Melhor não fazer nada do que atrapalhar.

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a nossa newsletter

Colunistas

O partido contra o Brasil

Ninguém ainda descobriu no planeta um jeito tão eficaz de concentrar renda quanto a fórmula usada para administrar as contas públicas no país

A paciência acabou

Os brasileiros começam a reagir à cassação dos direitos individuais

O ataque

A baderna no Capitólio é mais um sintoma da crise da democracia do que a causa de novos problemas

Eficácia

“Você demorou muito a comprar. Eficácia depende de rapidez” / “Poxa… Se eu soubesse teria comprado mais rápido. Ando muito dispersivo”

O culto à ignorância

Valorizar a educação formal e a cultura clássica virou preconceito elitista, um mau sinal para o futuro

Como surgiu o novo coronavírus?

A resposta mais provável, até o momento: o vírus teve origem em pesquisas com manipulação genética no Instituto de Virologia de Wuhan

Globalistas assanhados com Biden

Eles não costumam viver de fatos, apenas de narrativas. Adotam a visão estética de mundo, e por isso a ONU é seu maior símbolo

A coerção e o coronavírus

A necessidade de restrições ocasionais não deve abalar os fundamentos do verdadeiro liberalismo, sustentado no “inovismo” e no “adultismo”

Uma nova doença: o vício em desculpas

Poucas figuras públicas têm a força de caráter para se recusar a pedir desculpas aos identitaristas, que gostam de desempenhar o papel de vítimas permanentes

Você não pode perder

A VOZ DAS REDES

Uma seleção de tuítes que nos permitem um olhar instigante do mundo, ajudam a pensar e divertem o espírito

LEIA MAIS

Oeste Notícias

R$ 19,90 por mês