Do Vaticano pela liberdade ao papa ‘pop’ comunista - Revista Oeste

Edição da semana

Em Em 29 out 2020, 05:30

Do Vaticano pela liberdade ao papa ‘pop’ comunista

29 out 2020, 05:30

É triste ver como Francisco consegue calar-se frente a absurdos como as igrejas queimadas no Chile, fazer acordos com a China e acabar com a linda obra de João Paulo II

papa francisco, ana paula henkel, papa joão paulo ii, igreja católica, china, partido comunista chinês,

Papa Francisco: silêncio frente a igrejas queimadas no Chile e acordo com o Partido Comunista Chinês | Foto: Gabriel Andrés Trujillo Escobedo/Wikimedia Commons

Em sua coluna semanal para Oeste, Ana Paula Henkel expõe as diferenças entre João Paulo II, que lutou pela liberdade e o fim do comunismo no mundo e na sua Polônia enquanto defendia um catolicismo real, e Francisco, que silencia frente a igrejas queimadas no Chile, faz acordos estranhos com o Partido Comunista Chinês e só põe lenha na fogueira quando o assunto é a Amazônia brasileira.

TAGS

*O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

14 Comentários

  1. Má consequência de uma pessoa errada, num local errado e numa hora errada!
    O mundo dá voltas, compete às pessoas do bem tentarem reduzir ao máximo os estragos que esses indivíduos têm a potencialidade e capacidade de realizarem!

    Responder
  2. Esse papa não presta desde quando derrubou Bento XVI. Continuou o estrago na Igreja Católica perdendo centenas de milhões de seguidores. Em suma….Um comunista que podia pedir aposentadoria urgente !!

    Responder
    • Esse papa está a serviço do demônio e pensa que vai acabar com a igreja. Enganou direitinho e imitou Maradona quando fez o gol com a mão. Aqui não Gardelon !

      Responder
  3. Qdo um ser humano se destacava em alguma atividade, um feito, tínhamos um dito popular: “esse Cara é o papa”.
    Mudança radical ocorreu: hoje, qdo alguém faz uma lambança, bola fora, como Aécio Neves dar pitaco ou Lula da Silva nos dar recado em MG pra votar no petralha Nilmario, o dito popular atualizado é: “esse Cara é o Francisco”.

    Responder
  4. Agora temos dois argentinos: Um no próprio país, levando-o para o fundo do poço e outro no Vaticano, também levando-o para o fundo do poço. E ambos, comunistas convictos. Querem saber? Agora pouco me importa de queimarem essas igrejas, quem for um fiel convicto, se reúne em qualquer lugar. Aqui mesmo tenho uns vizinhos de um grupo de orações que se reúne duas vezes por semana para isso e estou gostando muito dessa ótima vizinhança.

    Responder
  5. E se cala também com a perseguição mulçumana aos cristão mundo afora.

    Responder
  6. Forçaram a aposentadoria do Bento XVI ,justamente com essa intenção.Acabar com a igreja católica.Esse comunista demagogo não vale nada.

    Responder
    • Eu já acho que Bento saiu fora porque sabia que muita coisa podre viria! E pode aguardar muito mais! Esse Papa foi escolhido a dedo!

      Responder
      • Como um religioso faz acordo com um regime comunista que não crê em Deus sobre assuntos da igreja? Alguém me explica.

        Responder
  7. COMO PODE UMA PESSOA INCOSEQUENTE JOGAR TANTA M…. NO CRISTIANISMO.
    Onde está o DOGMA DA INFALIBILIDADE DO PAPA?
    Foi para a M…. junto
    Quando esse sujeito vai perceber que esta acabando com a Igreja??

    Responder
    • Parece que esse é o propósito…

      Responder
  8. Não sei os destinos que Deus reserva à fé Cristã no mundo e seu papel para uma humanidade melhor. Só sei que, se Deus permitiu que Francisco se tornasse papa, é porque Ele tem um papel a cumprir para Igreja. Portanto, sugiro que em vez de apontar o dedo para o substituto de Pedro, que nós oremos para que seu pontificado contribua para a obra de Deus.

    Responder
    • Não tenho Religião, partido político, e nem time de futebol. Nada de “ conto do vigário “, “ conto do político “ ou “ conto dos técnicos de futebol “.

      Responder
    • Só se foi para nós punir que foi escolhido . Triste de nós com tal pastor . O lobo se sente à vontade.

      Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a nossa newsletter

Colunistas

O império dos sem-voto

Há cada vez mais pessoas que nunca receberam um único voto na vida, e não têm mandato nenhum, dizendo o que o cidadão deve ou não deve fazer

O mal de roupa nova

O Partido Democrata não esconde as intenções: quer mais coletivismo, menos autonomia dos Estados, maior controle exercido pelo Executivo central e intervenção na economia

A nova Torre de Babel

Ao contrário do mito bíblico, a torre atual está sendo edificada com base na confusão proposital das palavras por indivíduos desprovidos de inteligência e coragem

Segundo turno nupcial

“Ué, você tá torcendo pra mim?” / “Não sei. Estou indeciso”

A imprensa morre no escuro

A atividade que já foi chamada de “quarto poder” escorrega perigosamente para a irrelevância

O resgate de Tocqueville

O desprezo pelo cristianismo, tão comum em meios “progressistas”, representa um perigoso afastamento dos pilares norte-americanos

A coerção e o coronavírus

A necessidade de restrições ocasionais não deve abalar os fundamentos do verdadeiro liberalismo, sustentado no “inovismo” e no “adultismo”

Uma nova doença: o vício em desculpas

Poucas figuras públicas têm a força de caráter para se recusar a pedir desculpas aos identitaristas, que gostam de desempenhar o papel de vítimas permanentes

Você não pode perder

A VOZ DAS REDES

Uma seleção de tuítes que nos permitem um olhar instigante do mundo, ajudam a pensar e divertem o espírito

LEIA MAIS

Oeste Notícias

R$ 19,90 por mês