Aéreas aceitam pacote de socorro proposto pelo BNDES

“Temos confiança de que as operações são viáveis. Existe sim demanda de mercado”, afirmou o presidente do BNDES, Gustavo Montezano.
-Publicidade-
Aeroporto Internacional de São Paulo
Foto: Divulgação / Delfim Martins
Aeroporto Internacional de São Paulo Foto: Divulgação / Delfim Martins | Aeroporto Internacional de São Paulo

As três maiores companhias aéreas do país aceitaram as condições propostas pelo banco público, anunciou Gustavo Montezano

Aeroporto Internacional de São Paulo
Aeroporto Internacional de São Paulo | Foto: Divulgação / Delfim Martins

A Gol, a Latam e a Azul, as três maiores empresas aéreas do Brasil, aderiram à proposta de socorro de um consórcio de bancos liderado pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

-Publicidade-

O acordo foi anunciado em uma teleconferência com jornalistas nesta sexta-feira, 15, pelo presidente do BNDES, Gustavo Montezano, que não informou números. Conforme já divulgado anteriormente, o pacote deve ficar entre R$ 4 milhões e R$ 7 milhões.

De acordo com Montezano, agora o pacote está na fase de “execução de mandatos”, com a preparação de operações financeiras e a procura de investidores que estejam interessados, informa o jornal O Estado de S. Paulo.

De acordo com o plano, as aéreas deverão emitir títulos de dívida, tanto debêntures quanto bônus conversíveis em ações. Sessenta por cento ficarão com o BNDES, 10% com os bancos privados parceiros e 30% como participação mínima de investidores privados.

“Temos confiança de que as operações são viáveis. Existe sim demanda de mercado”, afirmou Montezano na teleconferência, rebatendo a desconfiança de que esse tipo de operação não vá atrair interessados em meio a uma crise.

Por fim, o presidente do BNDES afirmou que as companhias aéreas devem utilizar os recursos exclusivamente no país, apenas em gastos operacionais, vetando o pagamento a credores, e destacou que o banco está oferecendo condições “isonômicas e transversais” para todas as empresas interessadas.

 

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.