Banco Central vai adotar medidas para aumentar segurança do Pix

Presidente do BC citou, por exemplo, a possibilidade de criar regras para que os usuários possam eleger horários para bloquear o serviço
-Publicidade-
Presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto | Foto: Reprodução/YouTube
Presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto | Foto: Reprodução/YouTube

O presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, afirmou nesta sexta-feira, 27, que a autoridade monetária anunciará em breve medidas para aumentar a segurança do Pix, o sistema brasileiro de pagamentos instantâneos.

Campos Neto citou, por exemplo, a possibilidade de criar regras para que os usuários possam eleger horários para bloquear o serviço.

Leia mais: “Bolsonaro é contra quarentena para candidatura de militares, policiais e juízes: ‘Injustiça’”

-Publicidade-

“É muito importante passar a mensagem que a gente vai fazer todo o possível e imaginário para que o sistema seja o mais seguro possível e possa atender o maior número de pessoas”, disse durante seminário promovido pela Esfera, do Santander.

Campos Neto ponderou que as pessoas também podem ser vítimas de crimes com TEDs e DOCs. Para ele, o Pix tem a vantagem de permitir o rastreamento mais acelerado das contas envolvidas em eventuais golpes e crimes.

Inflação

Roberto Campos Neto afirmou que há enorme alta de inflação no mundo inteiro, mas que tende a ser temporária. Ele mencionou que a pandemia alterou o padrão de consumo, com substituição de serviços por bens, mas que, com a reabertura, deve haver um arrefecimento da inflação de bens.

Percepção e realidade

O presidente do Banco Central afirmou que a percepção sobre a economia brasileira está “nublada” pelo ruído do dia a dia. “Há diferença entre percepção e realidade”, disse, no seminário que também contou com a presença do presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL).

Crise hídrica

Campos Neto reconheceu que as notícias em relação à crise hídrica são preocupantes para a inflação.  “Tem notícias na parte hídrica que precisamos enfrentar. É a maior crise em 60, 70, 80 anos, que influencia e preocupa na parte de inflação”, disse.

Telegram
-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro