-Publicidade-

Comitê aprova nome de Joaquim Silva e Luna para comandar Petrobras

Nome será oficializado em Assembleia-Geral Extraordinária convocada para 12 de abril
General Joaquim Silva e Luna foi indicado pelo presidente Jair Bolsonaro e vai suceder Roberto Castello Branco na Petrobras
General Joaquim Silva e Luna foi indicado pelo presidente Jair Bolsonaro e vai suceder Roberto Castello Branco na Petrobras | Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Em comunicado divulgado na terça-feira 16, a Petrobras anunciou que o Comitê de Pessoas da estatal aprovou o nome do general Joaquim Silva e Luna para integrar o Conselho de Administração e assumir a presidência da empresa. Ele foi indicado pelo presidente Jair Bolsonaro e vai suceder Roberto Castello Branco no cargo.

Leia mais: “Guedes diz ter avisado a Bolsonaro que interferir na Petrobras tem ‘custo econômico pesado'”

Segundo a Petrobras, o comitê atestou a “não existência de vedações” a Silva e Luna. O general, diz a companhia, preenche todos os requisitos previstos na Lei das Estatais e na Política de Indicação de Membros de Alta Administração para exercer a função.

A oficialização do nome de Silva e Luna será feita pelos acionistas e pelo próprio Conselho de Administração, que vão “aferir o preenchimento de requisitos subjetivos adicionais aos previstos na legislação”.

A Petrobras convocou uma Assembleia-Geral Extraordinária para o dia 12 de abril.

Leia também: “Governo indica mais dois nomes para conselho de administração da Petrobras”

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias.
Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

1 comentário

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.