Em dois anos, ministério de Tarcísio vai investir R$ 1 bilhão em aviação regional

Meta do governo é chegar em 2025 com 200 cidades oferecendo voos regulares; em 2019, havia 128
-Publicidade-
Jato Embraer 195-E2 | Foto:  Foto: Valter Campanato/Agência Brasil
Jato Embraer 195-E2 | Foto: Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

O Ministério da Infraestrutura anunciou nesta terça-feira, 23, que os investimentos em aviação regional chegarão a quase R$ 1 bilhão do período que vai de 2019 até o final de 2021. Os recursos contemplam 112 municípios.

O montante é usado principalmente na reforma e construção de novos aeroportos e na aquisição de equipamentos de navegação aérea. O objetivo é aumentar a conectividade e possibilitar a ampliação da oferta de voos em todas as 27 unidades da federação.

-Publicidade-

Leia mais: “Economia recomenda inclusão de Correios, Eletrobras e EBC em programa de desestatização”

A meta do governo é chegar em 2025 com 200 cidades oferecendo voos regulares. Em 2019, havia 128 aeroportos brasileiros operando de forma regular, de acordo com a Anac.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias.
Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.