Futuro ministro da Fazenda, Haddad confessa que não entende de economia

Ex-prefeito de São Paulo foi anunciado nesta sexta-feira como titular da pasta
-Publicidade-
O futuro ministro da Fazenda, Fernando Haddad (PT), durante o anúncio de sua nomeação para o cargo pelo presidente eleito, Lula (PT), em Brasília - 09/12/2022 | Foto: Fátima Meira/Estadão Conteúdo
O futuro ministro da Fazenda, Fernando Haddad (PT), durante o anúncio de sua nomeação para o cargo pelo presidente eleito, Lula (PT), em Brasília - 09/12/2022 | Foto: Fátima Meira/Estadão Conteúdo

O futuro ministro da Fazenda, Fernando Haddad (PT), confessou, em 2017, durante um debate no Instituto de Ensino e Pesquisa (Insper), que não entendia de economia. Na época, o petista afirmou que, apesar de dar “uns pitacos”, estudou a área por apenas dois meses. Depois da polêmica, disse tratar-se de uma piada.

“Apesar de eu dar uns pitacos em economia de vez em quando, eu estudei dois meses, que foi para passar no exame da Anpec”, afirmou o ex-prefeito. “Depois eu não estudei mais.” Hoje, Haddad diz que o vídeo foi tirado de contexto.

No mesmo evento, Haddad disse que só atravessou os dois anos do mestrado em Economia pela Universidade de São Paulo porque “colou” dos colegas Alexandre Schwartsman, economista liberal, ex-diretor do Banco Central e colunista do jornal Folha de S.Paulo, e Naércio Menezes, ferrenho defensor da avaliação de resultados de políticas públicas. Os três são professores do Insper e negaram a “cola”.

-Publicidade-

Além de Haddad ministro da fazenda, Lula indicou outros nomes.

  • Ministério da Fazenda: Fernando Haddad (PT-SP), ex-prefeito de São Paulo;
  • Casa Civil: Rui Costa (PT-BA), governador da Bahia;
  • Ministério da Defesa: José Múcio, ex-ministro do Tribunal de Contas da União;
  • Ministério da Justiça: Flávio Dino (PSB-MA), senador eleito do Maranhão;
  • Ministério das Relações Exteriores: Flávio Vieira, embaixador.

Leia também: “Um conjunto de barbaridades econômicas”, artigo de Ubiratan Jorge Iorio publicado na Edição 142 da Revista Oeste

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

28 comentários Ver comentários

  1. É muita imbecilidade junto neste futuro governo, “se subir a rampa”, só nos resta ficarmos endividados, inflação alta, juros elevados, classe média ficando cada vez mais pobre, os amigos ricos ainda mais ricos, com apoia da China e filiados, nossa liberdade de expressão proibida…futuro brilhante nos aguarda.

  2. Sem experiência Haddad como Ministro da Fazenda. Bom poderia ser pior, imaginem a Dilma anta neste cargo. Agora preparem-se para uma abundância de dinheiro no mercado. Haddad dará enfase a impressão de dinheiro. Este é o metodo usado pelos esquerdopatas ao redor do mundo. Eles resolvem os problemas imprimindo dinheiro.

  3. Nos EUA não existem ministros, apenas secretários executivos das respectivas pastas. No Brasil foi inventado esse cargo de ministro para empregar os políticos apoiadores do governo, o Bolsonaro saiu dessa prática, mas agora voltou tudo ao normal e o poste vai apenas representar um papel que foi designado, e obviamente atender ao PT.

  4. Esse sujeito será um boneco de ventríloquo !! O MOLUSCO LADRÃO vai fazer dele um ministro figurativo só para ficar em evidência para concorrer em 2026 !! Vai dar com os burros n’agua já que o sujeito é totalmente despreparado e, para a nossa sorte, será um colecionador de tolices !!!

  5. Um besta quadrada a comandar a Economia, coisa que ele não entende, segundo declaração dele mesmo gravada em vídeo.
    Pela USP, num cursinho (faculdade) em que ficou dois meses apenas, ele só passou porque colava de seus colegas, também declarado por ele.
    Candidato perfeito para quebrar o País e mandar o Barroso dizer: perdeu, Mané!
    Isso se o condenado subir a rampa…

  6. Haddad vem de uma série de fracassos em sua vida e será outro grande fracasso no Ministério da Fazenda. Como Ministro da Educação colecionou decisões atabalhoada e equivocadas, como o kit gay; na prefeitura de SP não conseguiu se reeleger depois de tantas trapalhadas naquela gestão; o paulista recusou pelo voto que essa pessoa fosse governador. Só restou fazer parte do governo petista como uma provocação à decência e proibida de.

  7. Será que ninguém entendeu ainda? Ele quer um petista obediente e imbecil pra fazer tudo o que quiser com a grana. Vai ser um útil inútil pra carimbar toda grana da corrupção já programada pelo ex presidiário

  8. É O QUE NOS ESPERA, TUDO PELA MALDITAS 4 LINHAS …… QUE SÓ EXISTE NA CABEÇA DO NOSSO PRESIDENTE. QUER TRATAR COM BANDIDOS COM O “POR FAVOR” ESTA AÍ O RESULTADO. TAMOS FU ………

  9. Ele não entende nada de economia e tampouco de educação (ficaram 14 anos no poder e a educação só piorou, aliás o País), mas de picaretagem, corrupção e vagabundagem é um especialista de mão cheia.

  10. Tranquilo. O cara precisa entender de roubar e incentivar invasão de terras neste governo corrupto de 8a categoria que foi “eleito” pelo povo.

  11. Perguntinha: vosmecê voaria num avião pilotado pelo mané que limpa o cagadouro da aeronave? Os patetas do psdb, armínio, malan, bacha, arida, meirelles e caterva, lhe desejam um Bom Natal e boa sorte…

    1. MUITO BOA PERGUNTA, POIS É O QUE ESTAMOS VIVENDO …… UM PILOTO DE AVIÃO QUE LIMPA CAGADOURO …….. E QUER SE AVENTURAR A PEGAR UM BOING 747. O DESTINO: O CHÃO MESMO SEM SOBREVIVENTES.

  12. Pra ser ministro do Lula não precisa entender de nada, exceto de corrupção.
    Caso tome posse com sua quadrilha é só em seguida colocar as grades.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 23,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.