-Publicidade-

Gestora brasileira levanta mais de US$ 588 mi ao abrir capital nos EUA

A ação encerrou o pregão com alta de 17%, a US$ 19,90
Gestora brasileira levanta mais de US$ 588 mi ao abrir capital nos EUA
Gestora brasileira levanta mais de US$ 588 mi ao abrir capital nos EUA | Foto: Reprodução/DCM

A gestora de private equity Pátria, que investe em participação de companhias, estreou ontem, sexta-feira 22, na bolsa norte-americana Nasdaq, depois de fazer sua oferta inicial de ações (IPO, na sigla em inglês), que movimentou US$ 588 milhões — cerca de R$ 3,2 bilhões. Com os recursos, a companhia brasileira mira mais crescimento, o que poderá envolver aquisições.

A Pátria estreou com um valor de mercado de mais de US$ 2,8 bilhões (R$ 15 bilhões) e ganhou, em apenas um dia, cerca de US$ 476 milhões (R$ 2,6 bilhões). A ação encerrou o pregão com alta de 17%, a US$ 19,90.

A forte valorização no primeiro dia é explicada pela elevada demanda na oferta, que chegou a superar em 14 vezes o volume que foi ofertado inicialmente, o que fez com que a gestora emplacasse na largada o preço de US$ 17 por ação — acima do intervalo previsto inicialmente.

Leia também: “A bolsa de valores e a nova revolução do capitalismo”, artigo de Dagomir Marquezi publicado na edição 24 da Revista Oeste

Com informações do Estadão Conteúdo

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias.
Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.