Gestores bancários da América Latina acreditam no fim das agências, aponta pesquisa

Pesquisa recente da The Economist Intelligence e Temenos aponta que inovações tecnológicas devem movimentar o setor bancário
-Publicidade-
Reforma tributária pode acelerar crescimento econômico, diz Ipea | Foto: Domínio Público/PxHere
Reforma tributária pode acelerar crescimento econômico, diz Ipea | Foto: Domínio Público/PxHere | reforma tributária, ipea, unificação de impostos

Novas tecnologias devem aumentar em 57% as transações bancárias em um ano, aponta pesquisa

reforma tributária, ipea, unificação de impostos
Imagem Ilustrativa | Foto: Domínio Público/PxHere
-Publicidade-

Mais de 94% dos executivos bancários da América Latina acreditam que as agências físicas vão sumir, revela pesquisa recente da consultoria The Economist Intelligence Unit em parceria com a Temenos, empresa especializada em softwares corporativos para bancos e serviços financeiros. De acordo com o  estudo, que ouviu mais de 300 gestores em todo o mundo, as transações bancárias aumentarão cerca de 57% em um ano graças às novas tecnologias. Dois terços dos entrevistados acreditam que o setor será impulsionado por inovações tecnológicas nos próximos cinco anos, sendo que 45% apostam que o futuro será desenvolver um “ecossistema digital”, ambientes no mundo virtual em que o usuário consegue acessar diversos produtos de maneira integrada.

Na opinião de 35% dos dirigentes, os maiores investimentos serão em segurança cibernética. Para 33%, o desenvolvimento de plataformas de inteligência artificial (IA), como os canais em que os clientes interagem com gravações de áudio e as ferramentas de consultoria digital. E 27% apontam para as plataformas com dados acessíveis em qualquer ponto do planeta.

A pandemia colaborou para que o impulsionamento digital ganhasse destaque. O American Banker — jornal especializado em assuntos do setor financeiro — registra um aumento de 40% nas operações via internet depois que o vírus chinês se alastrou pelo mundo.

Espaço para inovações bancárias no Brasil

Segundo o vice-presidente de Serviços Temenos Latam, Álvaro Bacellar, ainda há muito espaço para crescimento. “Os bancos estão usando IA que pode afetar a vida das pessoas de forma decisiva e os órgãos reguladores vão pedir cada vez mais para saber como a tecnologia faz isso”, afirma. Ele também explica que 70% das pessoas que iniciam o processo de abertura de uma conta on-line param no meio do caminho. Na área de empréstimos, chega a 90%. “Isso cria uma oportunidade muito grande para haver uma mobilidade rápida nesse mercado”, diz.

O Itaú Unibanco, a maior instituição bancária do Brasil, acredita nessas tendências. Fernando Beyruti, responsável pela área de clientes internacionais do banco, afirma: “Investir em tecnologia que possa gerar rentabilidade sustentável, eficiência e focada no cliente é um pilar fundamental da estratégia de negócios do Itaú”.

Telegram
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

2 comments

  1. Penso que haverá uma forte redução, mas não uma eliminação.
    Existe uma grande parte dos “bancarizados” que precisam estar em contato com os seus gerentes e o ambiente das agências.

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site