Granado prevê alta de 30% nas receitas em 2021, devido a novos hábitos de higiene

Companhia brasileira de cosméticos foi criada há 151 anos
-Publicidade-
Loja da tradicional marca de cosméticos Granado, fundada em 1870. Foto: Divulgação
Loja da tradicional marca de cosméticos Granado, fundada em 1870. Foto: Divulgação | Foto: Divulgação

Com o aumento na procura por sabonetes e outros produtos de higiene pessoal, devido à pandemia de covid-19, a Granado prevê um crescimento de 30% nas vendas em 2021, levando o faturamento para cerca de R$ 930 milhões. Fundada em 1870, a fabricante de cosméticos planeja abrir mais lojas no Brasil e também estrear em Portugal. A companhia já possui lojas em Paris.

Segundo a diretora de marketing da empresa, Sissi Freeman, nos primeiros meses da quarentena, quando as 80 lojas da marca foram fechadas, as vendas on-line chegaram a crescer 600%, o suficiente para que a companhia conseguisse crescimento de 4%, comparando com as receitas de 2019.

“De um lado, tivemos 80 lojas fechadas, que representam 25% das vendas. De outro, veio a alta das vendas on-line e dos revendedores (como farmácias e supermercados) que ficaram abertos, com forte demanda por sabonete líquido e em barra, reflexo do hábito mais frequente de lavar as mãos”, afirma Sissi.

-Publicidade-

Leia também: “Pequenos negócios ainda sentem efeitos da pandemia de covid-19”

Com a volta das lojas físicas, as vendas do primeiro trimestre deste ano cresceram 16% em comparação com o mesmo período de 2020.

O plano da Granado para 2021 é inaugurar seis lojas no Brasil, sendo que quatro já foram abertas. A diretora afirma que não fosse a dificuldade de negociação com os shoppings, especialmente no que se refere aos reajustes dos aluguéis, a abertura de lojas poderia ser maior.

A aceleração do crescimento da Granado também se deve à retomada do projeto de internacionalização da empresa, noticia o jornal O Estado de S. Paulo. Suas três lojas em Paris já foram reabertas. Inaugurar uma loja em Lisboa e explorar mais as lojas de departamento, especialmente na capital francesa, base da operação global da marca brasileira, são os próximos passos da companhia.

Leia também: “Apple aposta em lojas físicas, à medida que economias reabrem”

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site